Geral

Pediatra é assassinada após plantão médico no Rio de Janeiro

A pediatra Sônia Maria Santanna Stender, 61 anos, foi assassinada com três tiros quando deixava o plantão médico no Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, zona norte do Rio, na manhã de domingo. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, a médica era funcionária do Estado havia 30 anos e saiu por volta das 7h. Ela […]

Arquivo Publicado em 17/09/2012, às 21h15

None

A pediatra Sônia Maria Santanna Stender, 61 anos, foi assassinada com três tiros quando deixava o plantão médico no Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, zona norte do Rio, na manhã de domingo.

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, a médica era funcionária do Estado havia 30 anos e saiu por volta das 7h. Ela estava em um Palio preto quando foi abordada por criminosos em um Meriva branco na rua Conde de Agrolongo.

Sônia morreu no local após levar dois tiros no peito e um na cabeça. Ela foi enterrada no Cemitério São João Batista na tarde desta segunda-feira. Policiais da Divisão de Homicídios investigam se o crime foi premeditado, pois nenhum objeto pessoal dela foi roubado.

Jornal Midiamax