Geral

Para confirmar força em casa, Ponte Preta recebe Atlético-GO

Após empatar por 2 a 2 com o líder Atlético-MG na última quarta-feira, a Ponte Preta volta a campo neste domingo, às 18h30(de Brasília), para enfrentar o Atlético-GO, no estádio Moisés Lucarelli, em partida válida pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. Atual 14ª colocada da competição nacional, com 24 pontos, a equipe de Campinas espera […]

Arquivo Publicado em 02/09/2012, às 14h00

None

Após empatar por 2 a 2 com o líder Atlético-MG na última quarta-feira, a Ponte Preta volta a campo neste domingo, às 18h30(de Brasília), para enfrentar o Atlético-GO, no estádio Moisés Lucarelli, em partida válida pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. Atual 14ª colocada da competição nacional, com 24 pontos, a equipe de Campinas espera aproveitar o fato de jogar diante de sua torcida para garantir mais três pontos no torneio.


Treinador da Ponte Preta desde o início de 2011, Gilson Kleina destacou a importância de conquistar a vitória no Moisés Lucarelli. Nos dez jogos que disputou em casa nesta edição do Brasileiro, o time alvinegro conquistou quatro vitórias (Corinthians, Coritiba, Palmeiras e Portuguesa), empatou três vezes (Flamengo, Sport e Grêmio) e foi derrotado em três oportunidades (Atlético-MG Fluminense e Bahia).


“Temos que fazer valer o nosso mando de campo. Com todo o respeito que temos ao adversário, precisamos fazer de tudo e trabalhar para assegurar a vitória”, afirmou o comandante ponte-pretano.


Para o embate com a equipe de Goiânia, Kleina não contará com o lateral-esquerdo Uendel, que recebeu cartão vermelho na partida contra o Atlético-MG. Com isto, João Paulo, que sequer ficou no banco de reservas no duelo com o time mineiro, pode ganhar oportunidade entre os titulares. Outras opções são as improvisações dos meio-campistas Nikão e Marcinho.


“É preciso ter bastante concentração. Quem entrar na vaga do Uendel dará o seu melhor. Ficamos felizes de os laterais estarem apoiando bem. La atrás, precisamos que dar conta do recado também para sair com o resultado positivo”, declarou João Paulo.


Diante do Atlético-GO, o goleiro Edson Bastos, o lateral-direito Cicinho, o volante Lucas e o atacante Giancarlo entram em campo pendurados e, se receberem cartão amarelo, desfalcarão a equipe a equipe comandada por Gilson Kleina no confronto com o Flamengo, que será realizado na próxima quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), no estádio Raulino de Oliveira


Já pelo lado do time de Goiás, o foco está em conseguir a primeira vitória como visitante neste Campeonato Brasileiro. Dono da 19ª colocação na tabela de classificação da competição nacional, com 16 pontos, o Atlético-GO conquistou apenas três triunfos no torneio, sendo que todos foram dentro de casa. Até o momento, o clube rubro-negro soma cinco empates e cinco derrotas jogando longe de seus domínios.


Uma dos principais jogadores do setor ofensivo do time comandado por Jairo Araújo, o atacante Ricardo Bueno ressaltou que a derrota por 2 a 0 para o Cruzeiro, na última quarta-feira, no estádio Serra Dourada, não pode atrapalhar as pretensões do Atlético-Go no Brasileiro.


“Antes da partida contra o Cruzeiro, já conversávamos sobre essa necessidade de ganhar fora de casa. Como perdemos, vencer contra Ponte e Grêmio se tornou ainda mais importante”, encerrou o atleta, lembrando o jogo contra a equipe gaúcha, que ocorre na próxima quarta-feira, às 20h30 (de Brasília), no estádio Olímpico.


FICHA TÉCNICA
PONTE PRETA X ATLÉTICO-GO


Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 02 de setembro de 2012 (domingo)
Horário: 18h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Nielson Nogueira (PE)
Assistentes: Marcelo Bertanha Barison (RS) e Ivan Carlos Bohn (PR)


PONTE PRETA: Edson Bastos; Tiago Alves, Diego Sacoman e Ferron; Cicinho, Baraka, Ricardinho, Marcinho e João Paulo; Rildo e Giancarlo
Técnico: Gilson Kleina


ATLÉTICO-GO: Márcio; Diogo Campos, Gustavo, Reniê e Eron; Dodó, Marino, Ernandes e Wesley; Ricardo Bueno e Patric
Técnico: Jairo Araújo


Jornal Midiamax