Geral

Para-atleta de MS conquista terceiro lugar no Campeonato Brasileiro de tiro esportivo

Superação, Força de vontade e organização ajudam a explicar a supremacia do para-atleta do Estado do Mato Grosso do Sul, no último fim de semana. O policial civil aposentado e para-atleta do CAIRA , Paulo Campozano, participou da final de tiro esportivo no rio de janeiro realizado pelo Comitê Paraolímpico Brasileiro, conquistando o terceiro lugar […]

Arquivo Publicado em 08/10/2012, às 17h49

None
1650187353.jpg

Superação, Força de vontade e organização ajudam a explicar a supremacia do para-atleta do Estado do Mato Grosso do Sul, no último fim de semana. O policial civil aposentado e para-atleta do CAIRA , Paulo Campozano, participou da final de tiro esportivo no rio de janeiro realizado pelo Comitê Paraolímpico Brasileiro, conquistando o terceiro lugar no ranking nacional na prova de carabina 22 a cinqüenta metros.



De acordo com a assessoria do atleta, com a proximidade das paraolimpíadas do rio 2016 ele se dedica mais e com muita garra superando limites impostos pela sua deficiência física. Como incentivo à pratica de esportes, Paulo conta com o apoio da Funesp (fundação municipal de esporte).



O atleta ressalta que, O esporte é fundamental para o resgate da minha auto estima alem de trazer superação e vida.



Muitas pessoas portadoras de alguma deficiência são discriminadas pela sociedade, ou desmotivados pela sua própria condição física. Com isso, elas têm nas competições paraolímpicas uma oportunidade para elevar sua auto-estima.



Portanto, a maior glória das competições não está apenas na conquista de medalhas, e sim, no exemplo que esses atletas passam a milhares de pessoas. “Eu como esposa e treinadora vejo a importância que o esporte traz na vida do atleta paralimpico, A auto-estima a reintegração social e o desenvolvimento humano sustentável”, destacou Marta Lopes.


Jornal Midiamax