Geral

Obama se junta às famílias em luto de Connecticut em busca de respostas

Presidente americano vai se reunir com as famílias das vítimas de massacre que matou 20 crianças e seis adultos em escola primária em Newtown

Arquivo Publicado em 16/12/2012, às 15h14

None
455752475.jpg

Presidente americano vai se reunir com as famílias das vítimas de massacre que matou 20 crianças e seis adultos em escola primária em Newtown

O presidente Barack Obama chega neste domingo (16) em Connecticut para acompanhar famílias em luto por 20 crianças, todas entre 6 e 7 anos de idade, que foram mortas por um atirador que invadiu a escola .


A presença de Obama em uma vigília na cidade outrora tranquila de Newtown será seguida de perto pela busca de pistas sobre o que presidente quis dizer quando chamou de “ações significativas” para evitar tais tragédias na sequência do massacre na sexta-feira.


Mas a política deve perder espaço para o luto, quando mais detalhes emergem sobre as 12 meninas, oito meninos e seis mulheres adultas que atirador Adam Lanza mortos na Escola Primária Sandy Hook antes de se matar.


Olivia Engel tinha um papel na peça de Natal na igreja católica Santa Rosa de Lima. “Ela deveria ser um anjo na peça. Agora ela é um anjo no céu”, monsenhor Robert Weiss disse a uma multidão na entrada da igreja no sábado.


Emilie Parker, outra das crianças vítimas, estava estudando português com seu pai. A página do Facebook memorial para ela já tinha quase 147 mil “curtir” a partir de sábado à noite.


Vicki Leigh Soto, 27, salvou as vidas de seus alunos, colocando-se entre as crianças e o atirador. O jornal britânico Independent, em sua edição de domingo, estampou a foto da professora em sua primeira página com o título “a heroína de Sandy Hook.”

Jornal Midiamax