Geral

Neymar perde gol, mas Brasil passa fácil pela Nova Zelândia e termina em primeiro

Após duas vitórias apertadas, o Brasil ‘passeou’ em campo no estádio St. James Park, em Newcastle, diante da frágil Nova Zelândia e venceu por 3 a 0, gols de Danilo, Leandro Damião e Sandro. A equipe do técnico Mano Menezes termina a primeira fase da Olimpíada com nove pontos e em primeiro lugar do Grupo […]

Arquivo Publicado em 01/08/2012, às 15h03

None

Após duas vitórias apertadas, o Brasil ‘passeou’ em campo no estádio St. James Park, em Newcastle, diante da frágil Nova Zelândia e venceu por 3 a 0, gols de Danilo, Leandro Damião e Sandro. A equipe do técnico Mano Menezes termina a primeira fase da Olimpíada com nove pontos e em primeiro lugar do Grupo C, com o Egito em segundo.


Principal nome do Brasil na virada por 3 a 1 sobre Belarus, no último domingo, com um gol e duas assistências, nesta quarta-feira Neymar pouco brilhou. Perdeu, inclusive, o gol mais feito da partida, quando chutou por cima uma bola cruzada à meia-altura, sendo que o gol estava vazio.


A seleção olímpica brasileira segue na cidade de Newcastle e aguarda nas quartas de final o segundo colocado da chave D, que pode ser Honduras, Japão ou Marrocos, com maior probabilidade para o time da América Central. A fase de mata-mata começa no sábado.


Como a seleção entrou em campo já classificada para a fase final, Mano poupou quatro titulares (o goleiro Neto, o volante Rômulo, o meia Oscar e o atacante Hulk). Na frente, Leandro Damião, que virou banco no segundo jogo, ganhou uma nova chance e Alexandre Pato voltou para a reserva.


Quem entrou deu conta do recado. Danilo foi bem como volante. Alex Sandro, na meia (devido à ausência de Ganso, machucado), também estava bem, porém acabou expulso no segundo tempo porque simulou um pênalti, na avaliação do árbitro.


No primeiro gol, aos 22 min, Danilo avançou pelo meio e tocou para Leandro Damião, que cumpriu o papel de pivô e devolveu nas costas da zaga, deixando o atleta do Porto na cara do gol. O camisa 14 bateu na saída do goleiro O’Keeffe e abriu o placar.


Seis minutos depois, o lado esquerdo funcionou. Marcelo tocou de letra para Alex Sandro, que invadiu a área e rolou para Damião estufar a rede com o gol vazi.


O cenário da partida seguiu o mesmo no segundo tempo. Logo aos 6 min, Marcelo cruzou à meia-altura, a bola passou por Damião e encontrou Sandro no segundo pau, que completou para o gol.


Aos 15 min, Neymar desperdiçou a sua melhor oportunidade. Rafael fez a assistência e o camisa 11 bateu de primeira, por cima do gol, mesmo com o goleiro fora do lance. Depois, foi substituído por Alexandre Pato.


BRASIL 3 X 0 NOVA ZELÂNDIA


Brasil Gabriel; Rafael, Thiago Silva, Juan e Marcelo; Sandro (Rômulo), Danilo e Alex Sandro; Lucas, Neymar (Alexandre Pato) e Leandro Damião (Oscar)


Técnico: Mano Menezes


Nova Zelândia O’Keefe; Payne, Nelsen, Smith e Hogg; McGlinchey,Thomas (Myers), Rojas (Dakota) e Barbarouses (Howieson); Wood e Smeltz


Técnico: Neil Emblen


Data: 1º/8/2012, quarta-feira


Local: estádio St. James Park, em Newcastle (Inglaterra)


Árbitro: Bakary Gassama (GAM)


Auxiliares: Jason Damoo e Angesom Ogbamariam


Cartão vermelho: Alex Sandro (B)

Jornal Midiamax