Geral

Na abertura das Olimpíadas, delegação dos EUA se recusa a abaixar bandeira à rainha Elizabeth II

Um dos atos protocolares previstos para a Cerimônia de Abertura da Olimpíada é que, ao passarem pela rainha Elizabeth II no Estádio Olímpico, todos os porta-bandeiras devem abaixar a bandeira em sinal de reverência. Os Estados Unidos, no entanto, não irão cumprir essa parte do ritual, afirmou a chefe de comunicação da delegação americana em […]

Arquivo Publicado em 27/07/2012, às 19h39

None
1133890609.jpg

Um dos atos protocolares previstos para a Cerimônia de Abertura da Olimpíada é que, ao passarem pela rainha Elizabeth II no Estádio Olímpico, todos os porta-bandeiras devem abaixar a bandeira em sinal de reverência. Os Estados Unidos, no entanto, não irão cumprir essa parte do ritual, afirmou a chefe de comunicação da delegação americana em Londres, Patrick Sandusky.


Segundo ela, a orientação, passada pelo Comitê Olímpico Americano, não implica em desrespeitar a Coroa Britânica.


“Para esclarecer algumas das declarações que soaram vagas: o Comitê Olímpico Americano sugeriu que não abaixássemos a bandeira na Cerimônia de Abertura. Não abaixarmos a bandeira não significa que seremos desrespeitosos com nossos queridos anfitriões, mas apenas manteremos a tradição de não abaixar a bandeira americana”, explicou Sandusky.


Jornal Midiamax