Geral

MPE aguarda inquérito sobre morte de jovem no hospital de Bonito

O MPE (Ministério Público Estadual) de Bonito aguarda a conclusão do inquérito policial sobre a morte da jovem Letícia Gottardi Corrêa, de 19 anos, no último dia 7 para tomar as devias providências sobre o caso. “Nós recebemos as imagens do hospital com a movimentação familiar e da equipe médica e encaminhamos o material para […]

Arquivo Publicado em 23/04/2012, às 19h10

None

O MPE (Ministério Público Estadual) de Bonito aguarda a conclusão do inquérito policial sobre a morte da jovem Letícia Gottardi Corrêa, de 19 anos, no último dia 7 para tomar as devias providências sobre o caso.


“Nós recebemos as imagens do hospital com a movimentação familiar e da equipe médica e encaminhamos o material para a análise da polícia. Precisamos que a polícia civil conclua o inquérito para tomar as possíveis providências sobre o caso”, afirmou o promotor Luciano Furtado.


Ele adiantou que o delegado responsável pelo caso informou que a maior parte das pessoas envolvidas já foram ouvidas pela polícia e que, para a conclusão do inquérito, falta apenas o laudo médico sobre a causa da morte da jovem.


“Acredito que não será preciso adiar a conclusão do inquérito e que termos respostas até o prazo dado, dia 7 de maio, quando será completado um mês da investigação”, disse Luciano.


O caso


A jovem procurou atendimento médico por três vezes durante a madrugada do dia 6 para o dia 7. A família alega que, por duas vezes, injeções de dipirona foram aplicadas na jovem, que tinha alergia ao medicamento.


Familiares dizem que o primeiro médico que atendeu a garota marcou no prontuário de atendimento a observação da alergia, ignorada pela médica infectologista Caroline Franciscati, que pediu afastamento do hospital.

Jornal Midiamax