Geral

Movimento é intenso na principal rodoviária do Rio

O grande número de ônibus chegando e saindo da Rodoviária Novo Rio, principal terminal de embarque e desembarque de passageiros, na área portuária do Rio, provocou um verdadeiro caos no terminal pela manhã. Para evitar mais complicações, a Guarda Municipal do Rio fechou o acesso ao estacionamento do prédio anexo à rodoviária, para evitar demora […]

Arquivo Publicado em 22/12/2012, às 18h42

None

O grande número de ônibus chegando e saindo da Rodoviária Novo Rio, principal terminal de embarque e desembarque de passageiros, na área portuária do Rio, provocou um verdadeiro caos no terminal pela manhã. Para evitar mais complicações, a Guarda Municipal do Rio fechou o acesso ao estacionamento do prédio anexo à rodoviária, para evitar demora maior para os ônibus encostarem nas plataformas de embarque e desembarque de passageiros, que estão lotadas desde as primeiras horas do dia.


O movimento maior de saída, nos dias que antecedem o Natal, são para as praias da Região dos Lagos. Já na Ponte Rio-Niterói, principal acesso à região, o movimento foi tranquilo durante toda a manhã e também no período da tarde. Os motoristas levam, em média, de 15 a 18 minutos para ateravessar os quase 14 quilômetros da ponte Presidente Costa e Silva, que liga o Rio à Niterói.


Quem optou seguir pela Rodovia Amaral Peixoto, outro acesso às praias da Região dos Lagos, também não está encontrando dificuldades. Apesar do trecho ser de subida e os motoristas terem de passar pela Serra de Mato Grosso, o trânsito está normal. Muitos motoristas preferem o trajeto para se livrar do pedágio na Via Lagos, com alta tarifa. Nos dias úteis, a tarifa cobrada para um carro de passeio é R$ 8,90 e, nos finais de semana e feriados, a partir das 12h de sexta-feira até as 12h de segunda, o valor sobe para R$ 14,90.


De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), quem está deixando o Rio de Janeiro agora em direção à capital paulista, o movimento é tranquilo na Via Dutra. Na Serra das Ararás, o tráfego normal, mas deve aumentar à tarde. Para quem vai subir a Serra de Petrópolis e Teresópolis, não vai encontrar trânsito. De acordo com a PRF, o movimento é tranquilo, sem pontos de retenção.

Jornal Midiamax