Geral

Morador de rua de Bandeirantes reencontra família após 26 anos

José Carlos Pereira Soares, mais conhecido com Mineiro, desaparecido há mais de 26 anos, reencontrou sua família nesta terça-feira (28). Soares era morador de rua em Bandeirantes e encontrou a família coma a ajuda da equipe do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas). Segundo informações da prefeitura de Bandeirantes, o encontro foi graças […]

Arquivo Publicado em 28/08/2012, às 17h39

None
1097508760.jpg

José Carlos Pereira Soares, mais conhecido com Mineiro, desaparecido há mais de 26 anos, reencontrou sua família nesta terça-feira (28). Soares era morador de rua em Bandeirantes e encontrou a família coma a ajuda da equipe do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas).

Segundo informações da prefeitura de Bandeirantes, o encontro foi graças à iniciativa da equipe do Creas, em especial a assistente social, Guiulian de Souza, que mandou um e-mail para a rádio Santa Cruz da cidade de Jequitinhonha – Minas Gerais, onde a família do Mineiro mora desde a época em que ele saiu de casa.

A rádio da cidade divulgou que o José Carlos Pereira Soares estava à procura de sua família, e a programação foi ouvida por uma prima que avisou os irmãos de Mineiro, que imediatamente entraram em contato com a equipe do Creas de Bandeirantes.

Mineiro é morador de rua em Bandeirantes e vive na cidade há mais de 22 anos, dependendo da ajuda dos moradores do entorno da Praça Germiniano Ribeiro – lugar onde optou para morar. A assistente social conta que em conversa com José Carlos ele falou que veio para Mato Grosso do Sul trabalhar em uma usina de cana, mas não deu certo.

Já em Bandeirantes, ele trabalhou um tempo na fazenda do senhor Dário, logo depois saiu e ficou nas ruas perambulando. “Ele sempre falava da família e fomos pegando o máximo de informações até que chegamos nessa rádio”, conta Guiulian.

Dependente de álcool, Mineiro recebe orientação da psicóloga da rede de assistência social e é acompanhado pela equipe do Creas desde 2011. Ele está internado no Hospital João Carneiro de Mendonça desde quinta-feira (23). Hoje ele pôde reencontrar seu irmão que veio de Minas Gerais buscá-lo.

Frederico Alexandre Pereira Soares, hoje com 43 anos, conta que o irmão saiu de Jequitinhonha aos 25 anos e que nesse tempo todo que ele ficou longe tinham uma vontade imensa de reencontrá-lo. Mineiro completa este ano 46 anos e tem oito irmãos, sendo dois já falecidos. Os pais também já faleceram.

Eles embarcam hoje à noite de volta para a cidade natal. “Estou muito contente em ter reencontrado minha família, não vejo a hora de chegar lá e rever todos”, diz Mineiro.

Jornal Midiamax