Geral

Michel Teló vai a Miami receber prêmio de primeiro no ranking da Billboard

Michel Teló, que conquistou o primeiro lugar no ranking da revista “Billboard” com o hit mundial “Ai Se Eu Te Pego”, viajou para Miami, nos EUA, para receber um prêmio pela conquista. Empolgado com a premiação, na manhã desta quarta-feira (25), Michel Teló postou uma foto em seu Twitter que mostra o cantor dentro de um […]

Arquivo Publicado em 26/04/2012, às 18h28

None

Michel Teló, que conquistou o primeiro lugar no ranking da revista “Billboard” com o hit mundial “Ai Se Eu Te Pego”, viajou para Miami, nos EUA, para receber um prêmio pela conquista.


Empolgado com a premiação, na manhã desta quarta-feira (25), Michel Teló postou uma foto em seu Twitter que mostra o cantor dentro de um avião.


“A caminho de Miami, nos Estados Unidos. Prêmio Billboard”, escreveu ele na legenda. Ontem Teló recebeu de seus fãs de Miami durante uma coletiva de impresa, que antecede o evento Billboard Latino um bolo da empresa HELLO CAKES BY VANESSA.


Sucesso


 O cantor se referiu ao Billboard Latin Music Awards, que acontece nesta quinta-feira (26). Na cerimônia, o sertanejo vai entregar um dos prêmios da revista e também fará uma apresentação, na qual cantará Ai, Se Eu Te Pego na versão brasileira. Michel Teló atingiu nesta semana o topo da lista da Billboard de Músicas Latinas, com o hit que estourou em todo o mundo.


Antes dele, apenas Bebel Gilberto, em 2004, e Céu, em 2005, tinham chegado ao primeiro lugar da lista. O cantor estreou na lista da Billboard no início de abril, quando chegou à principal parada de singles americanos, a Hot 100, na 97.º posição.


No chart, o cantor superou nomes consagrados como Mary J. Blige e o rapper Young Jeezy. Teló também é primeiro lugar de vendas em 25 países na loja de música da Apple, o iTunes, chegando a mais de 1,2 milhões de downloads pagos.


Na Alemanha, sua música é o single digital mais vendido de todos os tempos. Ai, Se Eu Te Pego também é o vídeo brasileiro mais assistido no mundo, com mais de 270 milhões de acessos no YouTube.

Jornal Midiamax