Geral

Mercadante: royalties do petróleo podem ajudar educação

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, disse neste domingo, no 11º Fórum de Comandatuba, que está nas mãos do Congresso Nacional aprovar medidas que destinem parte de divisão dos royalties de petróleo para a educação. Segundo Mercadante, com a nova arrecadação, seria possível ter mais recursos para destinar ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). A […]

Arquivo Publicado em 30/10/2012, às 20h00

None

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, disse neste domingo, no 11º Fórum de Comandatuba, que está nas mãos do Congresso Nacional aprovar medidas que destinem parte de divisão dos royalties de petróleo para a educação. Segundo Mercadante, com a nova arrecadação, seria possível ter mais recursos para destinar ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). A presidente Dilma Roussef tem batido nesta mesma tecla, de destinar os recursos dos royalties à educação.



O ministro disse ainda que o País deve focar em ciência, tecnologia e educação para poder fazer com que os recursos do Pré-Sal ajudem o País a se desenvolver social e economicamente. “Venezuela e Noruega descobriram quase ao mesmo tempo campos de petróleo e cada país é o que é”, comparou. “Não podemos cometer os erros que já conhecemos, temos de nos unir para o País do futuro, que não terá petróleo.”



O projeto de distribuição dos recursos arrecadados na exploração do petróleo, atualmente em tramitação na Câmara dos Deputados, foi aprovado pelo Senado em outubro do ano passado. Desde então, tem recebido críticas de Estados produtores por reduzir as fatias a que teriam direito, além de diminuir o que seria destinado à União e a municípios produtores.



A 11ª Edição do Fórum de Comandatuba, onde falou Mercadante, é promovida pelo Grupo de Líderes Empresariais (Lide), do empresário João Doria Jr., e trará debates enfocados no tema “O Brasil que Nós Queremos”. O evento será realizado entre os dias 28 de abril e 1º de maio no hotel Transamérica, em Comandatuba (BA). O fórum, que é anual, foi criado em 2002.


Jornal Midiamax