Geral

Medidas preventivas contra Aftosa começam hoje na fronteira com o Paraguai

As medidas preventivas contra o foco da Aftosa em Mato Grosso do Sul começam a ser tomadas efetivamente hoje. “Para termos um controle mais eficiente na região, a Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal do Mato Grosso do Sul) irá publicar nesta quarta-feira (4), uma portaria colocando os onze municípios de fronteira […]

Arquivo Publicado em 04/01/2012, às 17h12

None
1315936396.jpg

As medidas preventivas contra o foco da Aftosa em Mato Grosso do Sul começam a ser tomadas efetivamente hoje. “Para termos um controle mais eficiente na região, a Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal do Mato Grosso do Sul) irá publicar nesta quarta-feira (4), uma portaria colocando os onze municípios de fronteira com o Paraguai com obrigatoriedade da emissão do GTA (Guia de Trânsito Animal) somente no escritório do órgão”, afirma o Superintendente Federal de Agricultura no Estado, Orlando Baez.

“Além disso, vamos mandar técnicos de agricultura visitarem as fazendas e os frigoríficos da região, para conferirem pessoalmente o estado da carne bovina. Por enquanto, o animal abatido continua não entrando no Estado”, conta Baez.

O governador do Estado, André Puccinelli, afirma que recebeu ontem um telefonema do Ministério da Agricultura, onde foi mantida a decisão de manter 14 barreiras fixas e 11 móveis de fiscalização na fronteira. “Nós dobramos ontem o valor do combustível para que os fiscais percorram o local e evitem o intrabando do vírus”, afirma o governador.

A ofensiva para o vírus contará também com o apoio do Exército. Os militares estarão na fronteira do Estado com o Paraguai, onde foi descoberto outro foco da doença no Departamento de San Pedro, a 150 km de Mato Grosso do Sul. “O apoio do Exército deve ser redobrado nas cidades de Porto Murtinho, Bela Vista, Paranhos e Mundo Novo e toda a estratégia de atuação será definida com o CMO (Comando Militar do Oeste)”, diz o superintendente da SFA.

Jornal Midiamax