Geral

Marcus Alexandre vence disputa acirrada em Rio Branco

Penúltima cidade a encerrar a apuração dos votos, Rio Branco, capital do Acre, elegeu hoje (28) Marcus Alexandre (PT) para governar o município pelos próximo quatro anos. Em disputa acirrada, o petista ficou a frente de Tião Bocalom (PSDB) por menos de dois pontos percentuais de diferença. Ao todo, Alexandre teve 50,77% dos votos válidos, […]

Arquivo Publicado em 28/10/2012, às 22h55

None

Penúltima cidade a encerrar a apuração dos votos, Rio Branco, capital do Acre, elegeu hoje (28) Marcus Alexandre (PT) para governar o município pelos próximo quatro anos. Em disputa acirrada, o petista ficou a frente de Tião Bocalom (PSDB) por menos de dois pontos percentuais de diferença. Ao todo, Alexandre teve 50,77% dos votos válidos, enquanto Bocalom recebeu 49,23%. A votação na capital do Acre registrou 1,72% de votos nulos, 0,80% de votos brancos e 19,16% de abstenções.

Nascido em Ribeiro Preto (SP) e radicado em Rio Branco, engenheiro civil, 35 anos, Marcus Alexandre foi diretor-geral do Departamento Estadual de Estradas de Rodagem, Hidrovias e Infraestrutura (Deracre), gerente de projetos e secretário adjunto da Secretaria de Planejamento do Acre na gestão do então governador Jorge Viana (PT).

Esta é a primeira vez que a disputa pela prefeitura de Rio Branco será decida com novo pleito, porque apenas em 2008 a capital do Acre atingiu 200 mil eleitores – mínimo necessário para a realização de segundo turno.

Principal município do estado, Rio Branco tem população de pouco mais de 330 mil habitantes, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), e cerca de 220 mil eleitores aptos a votar.

De acordo o Censo de 2010 do IBGE, o Produto Interno Bruto (PIB) de Rio Branco era aproximadamente R$ 4,2 bilhões.

Jornal Midiamax

☰ Últimas Notícias