Geral

Mais de 24h após temporal, moradores continuam sem energia em alguns pontos da Capital

Problema teria acontecido por causa do temporal que atingiu Campo Grande ontem

Arquivo Publicado em 17/10/2012, às 13h53

None

Problema teria acontecido por causa do temporal que atingiu Campo Grande ontem

Moradores da rua Camburiu, na Vila Sobrinho, em Campo Grande, reclamam que estão com problemas de falta de energia desde a madrugada de ontem, terça-feira (16), devido o temporal que atingiu a Capital. Uma das fases que alimenta a rede elétrica da região foi danificada e os populares estão com vários aparelhos elétricos desligados a mais de 24 horas.

“Só eu liguei para a Enersul mais de seis vezes e me orientaram a esperar. Eles (Enersul) ainda disseram que se algum equipamento meu queimar, é para eu tirar uma foto e registrar boletim de ocorrência, para pedir o reembolso. É um total descaso”, denunciou Gilson Nogueira, morador da residência nº 389.

De acordo com Gilson, vários equipamentos estão sem funcionar, como por exemplo, a geladeira. Com isso, alimentos e os próprios eletrônicos estão estragando. Além disso, o morador afirma que o problema ocorre desde às 3h de ontem e se queixa do atendimento da Enersul, pois tem dificuldades de ser atendido no 0800-722-7272.

A assessoria de imprensa da Enersul informou que já está com 40 equipes de força tarefa percorrendo os pontos que apresentam problemas na rede elétrica. A empresa afirma que reconhece o desconforto causado pelo temporal, mas pede compreensão dos moradores, pois os problemas acontecem em pontos isolados e distantes na Capital.

Ao todo, a Enersul afirmou que estão atendendo, deste ontem, 13 bairros de Campo Grande e que o problema na rede atingiu mais de 5,5 mil moradores.

No 0800 da empresa, há uma mensagem eletrônica informando que a Enersul redobrou os funcionários para atender a “elevada demanda de serviços emergenciais” causados pelo temporal de terça. Ainda na mensagem a concessionária de energia orienta a população que já registrou reclamações de falta de energia a aguardar a equipe técnica para solucionar o problema.

Jornal Midiamax