Geral

Keliana atribui votos de Murilo a pressões em servidores e beneficiários da prefeitura

Registrando 27,1% da preferência do eleitor em Dourados, segundo pesquisa realizada pelo DATAmax, a radialista Keliana Fernandes (PSC) atacou o candidato à reeleição, o prefeito Murilo Zauith (PSB) e disse que a realidade que tem percebido nas ruas é a de estar liderando as intenções de voto. Ela afirmou que grande parte dos 42,7% de […]

Arquivo Publicado em 28/08/2012, às 13h49

None
311858375.jpg

Registrando 27,1% da preferência do eleitor em Dourados, segundo pesquisa realizada pelo DATAmax, a radialista Keliana Fernandes (PSC) atacou o candidato à reeleição, o prefeito Murilo Zauith (PSB) e disse que a realidade que tem percebido nas ruas é a de estar liderando as intenções de voto. Ela afirmou que grande parte dos 42,7% de eleitores que afirmaram votar em Murilo é de beneficiados pela prefeitura e de servidores municipais, que estão sendo ameaçados a votar no prefeito.


“Muitos beneficiados e servidores da prefeitura não querem a reeleição de Murilo, mas falam que vão votar nele por estarem sofrendo pressão”, apontou Keliana. “Por isso acredito que a margem de votos para ele foi maior”, acrescentou.


De acordo com ela, a realidade que tem recebido nas ruas aponta para sua vitória nas urnas. “Tenho recebido muito apoio nos bairros. Muitas pessoas não querem Murilo reeleito”, afirmou. Outro ponto destacado por Keliana é o fato do percentual de indecisos ser de 19,2% maior do que a diferença de votos entre ela e Murilo que foi de 15,6 pontos percentuais.


Confiante na vitória, a radialista comentou que continuará realizando visitas nas casas dos eleitores, mas que seu principal trunfo na campanha é o seu Plano de Governo. “Minha campanha continuará sendo de visitas nas residências e meu grande trunfo é o meu Plano de Governo”, disse. “Não tenho compromisso político com nenhum outro partido, por isso a minha equipe vai ser técnica, vou colocar pessoas que são capacitadas para gerenciar Dourados”, concluiu.


O DATAmax ouviu 480 douradenses e a pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS) dia 22 de agosto com o número MS 00106/2012. A margem de erro do levantamento é 4,5% e o grau de confiança é de 95%.


Sem retorno


Procurado no início da manhã para repercutir a pesquisa, Murilo Zauith até às 12h05min não deu retorno. Sua assessoria de imprensa também não retornou as ligações.


(Matéria editada às 12h05min para acréscimo de informações)

Jornal Midiamax