Geral

Juliana e Larissa garantem o heptacampeonato do Circuito Mundial

As brasileiras Juliana e Larissa não precisarão nem entrar em quadra para garantir o heptacampeonato do Circuito Mundial de Vôlei de Praia. A ausência das chinesas Chen Xue e Zhang Xi na lista de duplas inscritas para a disputa da última temporada 2012, que será na próxima semana, na Tailândia, confirmou antecipadamente o sétimo título […]

Arquivo Publicado em 18/10/2012, às 16h31

None

As brasileiras Juliana e Larissa não precisarão nem entrar em quadra para garantir o heptacampeonato do Circuito Mundial de Vôlei de Praia. A ausência das chinesas Chen Xue e Zhang Xi na lista de duplas inscritas para a disputa da última temporada 2012, que será na próxima semana, na Tailândia, confirmou antecipadamente o sétimo título da dupla brasileira na principal competição anual do cenário internacional.



Com 5.240 pontos acumulados em 2012, as chinesas formavam a única dupla capaz de superar Juliana e Larissa, líderes com 5.320, dependendo do resultado da etapa tailandesa. Com a ausência das asiáticas confirmada, as bicampeãs pan-americanas estão garantidas na ponta do ranking internacional ao fim da temporada.



Esta é a sétima conquista da dupla, que disputou nove temporadas do Circuito Mundial desde sua formação, em 2004. Com os títulos obtidos em 2005, 2006, 2007, 2009, 2010, 2011 e 2012, Juliana e Larissa passam a formar a dupla recordista de títulos, superando as também brasileiras Adriana Behar e Shelda, que venceram entre 1997 e 2001, além de 2004.



Às vésperas de afastar-se das areias e de encerrar sua parceria com Juliana, Larissa enalteceu mais uma conquista da dupla.



“Este sétimo título do Circuito Mundial representa a melhor maneira que poderíamos encerrar a dupla. Estamos fechando esse ciclo com chave de ouro mesmo. Com esse título, passamos a ser a dupla mais vezes campeã, superando a Adriana e a Shelda, que formaram uma parceria incrivelmente vitoriosa, e isso é muito emocionante. É mais um motivo para que eu me afaste das quadras convicta e satisfeita. Dei o meu melhor nesses nove anos, ajudei o nosso time a alcançar todos os objetivos que traçamos e me realizei completamente como atleta”, revela Larissa.



Para Juliana, melhor jogadora do Circuito Mundial nas últimas três temporadas, o ano de 2012 foi diferente por causa dos Jogos Olímpicos. A competição, segundo a brasileira, nivelou o Circuito Mundial.



“O ano olímpico é sempre diferente. Esta temporada do Circuito Mundial foi muito equilibrada. Fico muito feliz por termos vencido novamente. Em nove anos de Circuito Mundial, tivemos oito oportunidades de vencer e conseguimos sete títulos. Estamos escrevendo nosso nome na história mais uma vez. O Circuito Mundial tem uma dificuldade maior para os brasileiros, já que ficamos mais de dois meses longe de casa. Este título é uma ótima despedida para a nossa dupla e um prêmio para todos os nossos torcedores”, comemora.



A campanha do título das brasileiras na temporada 2012 teve três medalhas de ouro, na China, na Alemanha e na Polônia, uma de prata, na China, e duas de bronze, na Rússia e na China.



A conquista da dupla amplia ainda mais a supremacia do Brasil no Circuito Mundial. Agora são 18 títulos verde e amarelos, contra três de duplas dos Estados Unidos. Desde 2002, quando Walsh e May venceram pela única vez, o Brasil sempre termina o ano na ponta do ranking mundial.


Jornal Midiamax