Geral

Indígena se joga da moto e morre em hospital de Dourados

Uma indígena, de 26 anos morreu vítima de ferimentos, depois de se atirar da motocicleta conduzida pelo marido. Informações que chegaram à polícia dão conta de que ela teria se jogado do banco do carona, por volta das 21h do dia 2 de dezembro, após discutir com o marido. Ambos trafegavam na rodovia Ms-156, na […]

Arquivo Publicado em 20/12/2012, às 11h07

None

Uma indígena, de 26 anos morreu vítima de ferimentos, depois de se atirar da motocicleta conduzida pelo marido. Informações que chegaram à polícia dão conta de que ela teria se jogado do banco do carona, por volta das 21h do dia 2 de dezembro, após discutir com o marido. Ambos trafegavam na rodovia Ms-156, na região da Aldeia Limão Verde.


A vítima foi encaminhada ao Hospital de Amambai e removida para unidade hospitalar em Dourados, onde acabou morrendo. A polícia abriu inquérito para apurar o caso.


Informações ou denúncias que possam ajudar o trabalho da polícia, devem ser repassadas pelos telefones: 3411.8080 (Serviço de Investigação Geral – SIG) e o 190 (Polícia Militar).

Jornal Midiamax