Geral

Idosos internautas são melhores qualificados

Na pesquisa realizada pelo Instituto Qualibest sobre o perfil do mercado online no Brasil, os idosos se mostraram em melhores condições de vida. A renda média do internauta em geral (entre 16 e 59 anos) é de R$ 1.928,00, enquanto a das pessoas acima de 60 anos é de R$ 2.998,00. Com relação ao nível […]

Arquivo Publicado em 16/06/2012, às 17h12

None

Na pesquisa realizada pelo Instituto Qualibest sobre o perfil do mercado online no Brasil, os idosos se mostraram em melhores condições de vida. A renda média do internauta em geral (entre 16 e 59 anos) é de R$ 1.928,00, enquanto a das pessoas acima de 60 anos é de R$ 2.998,00. Com relação ao nível social, os idosos com presença na classe A representam 23% dos entrevistados, contra 18% dos demais entrevistados.

Além da melhor renda, a pesquisa aponta que 78% dos internautas da terceira idade possuem casa própria, perante 70% dos demais entrevistados. E não é só o computador que está presenta na vida dos mais velhos, a maior parte dos entrevistados diz possuir bens tecnológicos como filmadora, conversor digital, TV LCD, plasma ou tela plana e declaram ainda ter interesse por novos equipamentos, como notebooks e smartphones.

A qualidade de vida dos idosos também é um fator que está à frente dos mais jovens, enquanto 35% desse público diz viajar três ou mais vezes ao exterior, esse percentual é de 22% entre os entrevistados que tem menos de 60 anos. Outro número apresentado na pesquisa é que 37% das pessoas da terceira idade exercem alguma atividade remunerada, contra 73% dos demais. Porém, desses 37%, 42% trabalham apenas meio período; enquanto dos 74%, apenas 28% trabalham meio período.

No Painel Terceira Idade, a pesquisa comprova que os homens são mais ativos na web do que as mulheres, representando 52% dos entrevistados. Já para os internautas com menos de 60 anos, a realidade é oposto: 55% são mulheres, enquanto 45% são homens.

Jornal Midiamax