Geral

Facebook oficializa nova política após desinteresse de usuários

O Facebook anunciou na noite de terça-feira que vai implantar a partir desta quarta as mudanças na Declaração de Direitos e Responsabilidades (SRR, na sigla em inglês) e na Política de Uso de Dados, já que depois de sete dias abertos para votação dos usuários menos de 1% das pessoas se manifestou sobre os termos. […]

Arquivo Publicado em 12/12/2012, às 14h07

None

O Facebook anunciou na noite de terça-feira que vai implantar a partir desta quarta as mudanças na Declaração de Direitos e Responsabilidades (SRR, na sigla em inglês) e na Política de Uso de Dados, já que depois de sete dias abertos para votação dos usuários menos de 1% das pessoas se manifestou sobre os termos. A rede social de mais de 1 bilhão de membros ressaltou, por outro lado, que a opinião dos 668.872 que se manifestaram foi ouvida e houve mudanças na redação do documento.


Segundo a nota oficial, 88% dos votantes optaram por manter a declaração atual. Mas o “plebiscito” só teria poder de mudar a decisão do Facebook se mais de 30% da base de usuários votasse. “Fizemos esforços substanciais para informar e encorajar os usuários a votar, tanto por e-mail quanto em seus feeds”, disse a rede social.


“Mesmo que a participação nos votos tenha sido mínima, a experiência ilustrou o grande valor do nosso processo de notificação e comentários”, continua a nota, que destaca que as observações dos usuários, somadas a “discussões com reguladores internacionais” levou a mudanças no texto inicial da declaração. “Adicionamos nova linguagem para deixar mais claros os updates que propomos sobre compartilhar informações com nossos aliados, bem como nossos controles de privacidade”, exemplifica o Facebook.


A rede social comunica que manterá o sistema de notificação e comentários, e que tem planos de criar outras maneiras de ampliar a melhorar o processo de participação do usuário na elaboração das políticas. “Acreditamos que manter um diálogo significativo com nossa comunidade é crucial par ao esforço de avançarmos”, diz a nota.


A nova declaração do site criado por Mark Zuckerberg pode ser lida no site do Facebook, assim como a Política de Uso de Dados.

Jornal Midiamax