Geral

Emissão de bônus para 2021 do Brasil deve captar US$ 500 mi

O Tesouro Nacional pretende captar US$ 500 milhões com a reabertura da emissão de títulos soberanos com vencimento em 2021 anunciada nesta terça-feira, 3, de acordo com uma fonte próxima à operação. Ela acrescentou que a emissão deve ser fechada ainda nesta terça-feira e que a oferta pode ser estendida ao mercado asiático. A primeira […]

Arquivo Publicado em 03/01/2012, às 16h03

None
O Tesouro Nacional pretende captar US$ 500 milhões com a reabertura da emissão de títulos soberanos com vencimento em 2021 anunciada nesta terça-feira, 3, de acordo com uma fonte próxima à operação. Ela acrescentou que a emissão deve ser fechada ainda nesta terça-feira e que a oferta pode ser estendida ao mercado asiático.
A primeira emissão do título Global 2021 foi realizada em abril de 2010, com US$ 787,5 milhões e taxa de retorno ao investidor (yield) de 5% ao ano. Outras duas ofertas foram feitas em julho de 2010 (US$ 825 milhões com yield de 4,547% ao ano) e em julho de 2011 (US$ 550 milhões com yield de 4,188% ao ano).
A última emissão realizada pelo Brasil no mercado externo foi em novembro de 2011, como o papel Global 2041, no valor de US$ 1,1 bilhão.
Jornal Midiamax