Geral

Em reunião no Estado, GT Rio+20 conhece projetos sustentáveis

Integrantes do Grupo de Trabalho Rio+20 do Sistema Confea/Crea estarão reunidos no Crea-MS, em Campo Grande, nos dias 17 e 18 de outubro para definição de detalhes do 1º Fórum de Desenvolvimento Sustentável que será realizado durante a 69ª Semana Oficial de Engenharia e Agronomia (Soea) em Brasília (DF), no mês de novembro. O Grupo […]

Arquivo Publicado em 17/10/2012, às 20h40

None
630784626.jpg

Integrantes do Grupo de Trabalho Rio+20 do Sistema Confea/Crea estarão reunidos no Crea-MS, em Campo Grande, nos dias 17 e 18 de outubro para definição de detalhes do 1º Fórum de Desenvolvimento Sustentável que será realizado durante a 69ª Semana Oficial de Engenharia e Agronomia (Soea) em Brasília (DF), no mês de novembro.



O Grupo de Trabalho é integrado por conselheiros federais e por representantes de entidades nacionais e do Colégio de Presidentes do Sistema Confea/Crea vindos do Rio de Janeiro, Alagoas, Maranhão, Rio Grande do Sul, São Paulo e Mato Grosso do Sul. Após a Rio+20 esta é a segunda reunião do GT, que realizou a primeira em setembro, no Rio de Janeiro.



O presidente do Crea-MS, engenheiro Jary Castro, representa no GT os presidentes de Regionais de todo o país e explica que o grupo foi constituído para participar da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável – a Rio+20. “Após o evento ficou evidenciada a necessidade de engajamento dos profissionais da engenharia e agronomia nas questões relacionadas ao desenvolvimento sustentável já que os diálogos e palestras demonstraram o quanto as profissões são essenciais nesse processo”, explicou Castro.



Coordenador do GT, o conselheiro federal e engenheiro agrônomo Ibá dos Santos Silva explicou que o Fórum será realizado no dia 22 de novembro, das 14h às 18h, paralelamente ao maior evento da engenharia e agronomia do país, A Soea. “O Fórum será uma oportunidade para darmos continuidade aos temas debatidos durante a Rio+20, priorizando ainda os que envolvem os grandes eventos esportivos e seus legados, clima e desastres naturais, segurança e manutenção de edificações e questões relativas à mobilidade urbana”.



Na quinta-feira (18), os integrantes do GT realizam uma visita técnica a São Gabriel do Oeste e Rio Verde onde conhecerão os projetos desenvolvidos com biodigestores, que transformam excrementos de aves e suínos em biogás, utilizados na geração de energia para abastecer propriedades rurais e indústrias cerâmicas.


Jornal Midiamax