Geral

Em quatro anos Brasil deve ser o quarto maior mercado de e-commerce no mundo

Até 2015 o Brasil deve subir da sétima para a quarta posição no ranking de potencial de vendas pela internet. É o que indica a projeção no estudo T-index 2015, realizado pela Translated. Em 2011, o Brasil aparecia atrás de países como Estados Unidos, China, Japão, Alemanha, Reino Unido e França. Já em quatro anos, […]

Arquivo Publicado em 05/01/2012, às 22h35

None

Até 2015 o Brasil deve subir da sétima para a quarta posição no ranking de potencial de vendas pela internet. É o que indica a projeção no estudo T-index 2015, realizado pela Translated.


Em 2011, o Brasil aparecia atrás de países como Estados Unidos, China, Japão, Alemanha, Reino Unido e França. Já em quatro anos, deve ficar atrás apenas de China, Estados Unidos e Japão.


Entre 2010 e 2011, o e-commerce no Brasil registrou um crescimento de 26%. De acordo com a camara-e.net (Câmara Brasileira do Comércio Eletrônico), o e-commerce nacional deve fechar 2011 com R$ 18,7 bilhões em vendas.


“O ano de 2011 superou expectativas. O e-commerce deixou de ser apenas um hábito e agora começa a fazer parte da cultura do consumidor”, conta Pedro Eugênio, CEO do site Busca Descontos.

Jornal Midiamax