Geral

Custo de ligação DDD pode variar até 781%; veja como economizar

Uma pesquisa da ProTeste apontou que o custo de ligações de longa distância (DDD) pode apresentar variação de até 781% – no caso uma chamada de dez minutos entre São Paulo e Salvador que chega a custar R$ 7,32 em uma operadora e R$ 0,83 em outra. De acordo com a associação, conhecer seu perfil, […]

Arquivo Publicado em 25/04/2012, às 15h49

None

Uma pesquisa da ProTeste apontou que o custo de ligações de longa distância (DDD) pode apresentar variação de até 781% – no caso uma chamada de dez minutos entre São Paulo e Salvador que chega a custar R$ 7,32 em uma operadora e R$ 0,83 em outra. De acordo com a associação, conhecer seu perfil, os planos oferecidos pelas empresas e os melhores horários para fazer a ligação pode representar uma economia de até 88% com o gasto em ligações DDD.


“Alguns planos cobram tarifas diferenciadas para o primeiro minuto e demais minutos, ou de acordo com a quantidade de minutos totais falados durante determinado mês. Assim, quem fala dez minutos por mês pode pagar mais pelo minuto de ligação do que quem fala cem minutos mensais. Por isso, na hora de traçar o seu perfil, você precisa saber quantos minutos costuma falar por mês”, afirma a entidade.


A pesquisa foi feita com 41 planos oferecidos pelas operadoras de DDD em São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Distrito Federal e Bahia no mês de março. Confira dicas da ProTeste de como economizar na conta de telefone:


Distância


As tarifas variam de acordo com a distância. Quando você liga para o mesmo Estado ou Estados cujo primeiro dígito do código for igual, por exemplo RJ 21 e ES 27, a ligação é considerada VC2. Quando é diferente, a tarifa é maior, como em SP 11 e RS 51). Também faz diferença no custo se a cidade fica a até 50 km de distância ou mais.


Horários


Para identificar as tarifas que melhor lhe servem, você precisa se orientar pelo horário. O chamado “diferenciado” é o mais caro e cobrado entre 9h e 12h, e entre 14h e 18h, de segunda a sexta-feira. Em seguida aparece o “normal” (das 7h às 9h, 12h às 14h e 18h às 21h), o “reduzido” (das 6h às 7h e das 21h à 0h), e o “super-reduzido” (entre 0h e 6h). Aos sábados os horários são outros: normal (das 7h às 14h), reduzido (das 6h às 7h e das 14h à 0h). Aos domingos e feriados a tarifa reduzida vale das 6h à 0h.


Planos


Alguns planos oferecem descontos em horário comercial, ou tarifa única. Operadoras também têm pacotes apenas para ligações de longa distância. Nem sempre eles são, de fato, vantajosos. Há muitas peculiaridades e é preciso avaliar muito bem. A Proteste criou um simulador de DDD para facilitar a comparação.

Jornal Midiamax