Geral

Cursos da UFMS estão na lista dos insatisfatórios do Brasil, segundo o MEC

Os cursos de música, matemática (licenciatura) e engenharia elétrica oferecidos pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) figuram na lista do Ministério da Educação (MEC) como aqueles que obtiveram índices insatisfatórios no conceito Preliminar de Curso (CPC). O levantamento é em relação a 2011. Na prática, o CPC é um indicar sobre ensino […]

Arquivo Publicado em 27/12/2012, às 17h44

None

Os cursos de música, matemática (licenciatura) e engenharia elétrica oferecidos pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) figuram na lista do Ministério da Educação (MEC) como aqueles que obtiveram índices insatisfatórios no conceito Preliminar de Curso (CPC). O levantamento é em relação a 2011.

Na prática, o CPC é um indicar sobre ensino superior de graduação presencial ou de curso à distância que leva em conta vários fatores. A nota total de 100% é dividida da seguinte forma: 30% IDD (Indicador de Diferença entre os Desempenhos Observado e Esperado), que mostra o quanto o aluno aprendeu na faculdade; 15% – nota dos ingressantes; 15% – nota dos concluintes; 20% – proporção de professores com doutorado; 5% – proporção de professores com mestrado; 5% – regime de trabalho dos professores (dedicação parcial ou integral); 5% – boa infraestrutura, de acordo com a opinião dos alunos; 5% – boa organização didático-pedagógica, segundo a opinião dos estudantes.

A lista completa dos cursos considerados insatisfatórios pode ser acessada no Diário Oficial da União do dia 19 de dezembro, das páginas 30 a 35.

Jornal Midiamax