Geral

Cris Cyborg é pega no antidoping por uso de anabolizante e suspensa por 1 ano

Considerada a melhor lutadora de MMA de todos os tempos, a brasileira Cris Cyborg foi flagrada no exame antidoping em teste feito após sua luta no dia 17 de dezembro, quando nocauteou a japonesa Hiroko Yamanaka em apenas 16 segundos e manteve o seu cinturão do Strikeforce. Em sua urina foi encontrada a substância anabólica […]

Arquivo Publicado em 07/01/2012, às 01h43

None

Considerada a melhor lutadora de MMA de todos os tempos, a brasileira Cris Cyborg foi flagrada no exame antidoping em teste feito após sua luta no dia 17 de dezembro, quando nocauteou a japonesa Hiroko Yamanaka em apenas 16 segundos e manteve o seu cinturão do Strikeforce.


Em sua urina foi encontrada a substância anabólica estanozolol e, com isso, terá de cumprir uma suspensão de um ano e pagar uma multa de US$ 2.500. A vitória sobre a japonesa foi anulada (no-contest), mas ainda não foi anunciado se Cyborg perderá o cinturão.


“Nossa principal preocupação é com a saúde dos lutadores. Agentes anabólicos e substâncias proibidas não colocam em risco apenas quem faz uso delas, mas também o adversário. Essa comissão não vai tolerar seu uso no esporte”, disse George Dodd, agente da Comissão Atlética do Estado da Califórnia.


A informação foi divulgada inicialmente pelo site norte-americano MMAJunkie após eles receberem um comunicado da Comissão. O blog tentou entrar em contato com o staff da lutadora, mas nenhuma ligação foi atendida.


Nascida em Curitiba, Cristiane dos Santos está com 26 anos e tem uma carreira de 12 lutas e apenas uma derrota – em sua estreia. Com estilo explosivo, tem oito nocautes no cartel. Antes de lutar com Hiroko Yamanaka, vinha de um hiato de 18 meses sem entrar no ringue. O Strikeforce alegava não não achava lutadoras que aceitassem enfrentar a brasileira.

Jornal Midiamax