Geral

Cotas para negros e indígenas são tema de seminário na UEMS em Dourados

Nesta sexta-feira (30), a Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) promove o I Seminário Estadual Sobre Ações Afirmativas, evento que realizará uma reflexão sobre os dez anos da implantação do sistema de cotas para negros e indígenas na UEMS. O evento terá uma apresentação cultural pela manhã seguida da mesa de abertura com […]

Arquivo Publicado em 30/11/2012, às 09h29

None

Nesta sexta-feira (30), a Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) promove o I Seminário Estadual Sobre Ações Afirmativas, evento que realizará uma reflexão sobre os dez anos da implantação do sistema de cotas para negros e indígenas na UEMS.


O evento terá uma apresentação cultural pela manhã seguida da mesa de abertura com o tema “Dez anos de Ações Afirmativas na UEMS: Avaliação dos resultados das cotas para negros e indígenas” coordenada por Roseli Aparecida Stefanes Pacheco e integrada pelas professoras Maria José de Jesus Alves Cordeiro e Beatriz dos Santos Landa, abordando as cotas para negros e indígenas respectivamente.


Às 9h45 haverá um intervalo para Coffee Break e as atividades retornam às 10 horas com depoimentos de cotistas, sendo dois egressos e dois cursistas negros e indígenas. As atividades da manhã serão concluídas com a abertura de debate. Pela tarde, às 13 horas, a programação volta com mais uma apresentação cultural e com a palestra “Caminhos para uma Educação Antirracista e Inclusiva na sala de aula”, ministrada pela professora Adir Casaro Nascimento da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB).


Às 15h15 uma nova mesa redonda tratará do tema “Critérios de acesso à cota para negros e o ingresso via Sisu: fenótipo versus autodeclaração”. Esta mesa será coordenada por Suzana Arakaki e composta por Bartolina Ramalho Catanante e Silvane Aparecida de Freitas, todas da UEMS. A atividade de encerramento será às 16h20 com o coquetel de lançamento de livros.

Jornal Midiamax