Geral

Corumbaense quer se despedir da torcida com vitória convincente

A partida deste sábado, 06 de outubro, contra o Novoperário, será a despedida do Corumbaense do estádio Arthur Marinho. E para fechar a convincente temporada deste ano, nada melhor que a vitória. Já classificado para a Série A do Campeonato Estadual, o Carijó da Avenida agora mira o título da Série B. Um objetivo que, […]

Arquivo Publicado em 06/10/2012, às 00h49

None

A partida deste sábado, 06 de outubro, contra o Novoperário, será a despedida do Corumbaense do estádio Arthur Marinho. E para fechar a convincente temporada deste ano, nada melhor que a vitória. Já classificado para a Série A do Campeonato Estadual, o Carijó da Avenida agora mira o título da Série B. Um objetivo que, segundo o técnico Cláudio Roberto, pode colocar esse elenco e a comissão técnica na história do clube pantaneiro.

“O objetivo do clube, de acordo com os anseios de todos aqui em Corumbá, já conseguimos. Mas existe a possibilidade de marcar história. E o que faz isso acontecer em um clube são os títulos. Nesse grupo formado pelo Corumbaense, temos muitos jogadores que já foram campeões e querem ser de novo, e muitos jovens que precisam se habituar a ganhar. Acredito que essa é uma boa oportunidade, mesmo sabendo que vamos enfrentar um adversário muito difícil”, afirmou o treinador ao Diário.

Time de melhor campanha da segunda fase da disputa, a equipe da Capital joga por dois resultados iguais. “Acredito que temos todas as possibilidades de reverter essa vantagem”, garantiu. E para isso ele estudou, e muito, o adversário. “É obrigação nossa como treinador. E o fato de ser um time da Capital nos dá mais acesso aos vídeos, para analisar o adversário, passar informações para os jogadores.”

Algumas dessas instruções foram repassadas no treino desta quinta-feira. O resto será trabalhado no treino tático desta sexta. “Se inteirar do adversário é fundamental. Todas as equipes possuem pontos fortes e fracos. É respeitar as forças deles e saber explorar as fraquezas”, completou. Para isso, Cláudio Roberto conta com o apoio maciço das arquibancadas. “Essa é a despedida do ano, a despedida da torcida e de nosso campo de jogo. Acho que temos motivos bem especiais para incorporar o espírito que o jogo necessita e para a gente deixar uma imagem bem positiva perante nosso torcedor.”

Jornal Midiamax