Geral

Com dúvidas, Muricy não confirma Santos que enfrenta o Vasco

Após o treino realizado na manhã desta sexta-feira, no CT Rei Pelé, o técnico Muricy Ramalho concedeu entrevista coletiva. Mas o treinador, que tem alguns desfalques para o jogo contra o Vasco, domingo, a partir das 16h (de Brasília), na Vila Belmiro, foi cauteloso e ainda não confirmou qual será a formação titular do Santos […]

Arquivo Publicado em 12/10/2012, às 15h22

None

Após o treino realizado na manhã desta sexta-feira, no CT Rei Pelé, o técnico Muricy Ramalho concedeu entrevista coletiva. Mas o treinador, que tem alguns desfalques para o jogo contra o Vasco, domingo, a partir das 16h (de Brasília), na Vila Belmiro, foi cauteloso e ainda não confirmou qual será a formação titular do Santos no duelo com os cariocas, válido pela 30° rodada do Campeonato Brasileiro.


Muricy não poderá contar com o meia-atacante Bernardo, que emprestado pelos vascaínos, tem uma clausula contratual que o impede de atuar contra o Gigante da Colina – a não ser que uma multa de R$ 400 mil seja paga pelos paulistas. Além dele, o centroavante André recebeu o terceiro cartão amarelo na vitória sobre o Botafogo e cumpre suspensão nesta rodada. Isto sem contar a ausência do atacante Neymar, que está com a Seleção Brasileira na Europa e disputa um amistoso contra o Japão, na próxima terça, na Polônia.


A tendência é que o técnico santista escale Henrique na vaga de Bernardo, como aconteceu na substituição aos 37 minutos do primeiro tempo, diante do Glorioso. O volante só não será escalado caso Muricy Ramalho entenda que o jogador pode voltar a sentir dores no púbis, lesão que o afastou durante dois meses dos gramados. Desta forma, o argentino Patito Rodríguez está de sobreaviso e pode iniciar a partida contra o Vasco.


“Não sei se o Henrique vai ser titular. Ele fez dois jogos duros. O que me preocupa é a contusão, até porque, com a sequência ele pode voltar a sentir dores. Vamos esperar até amanhã (sábado). Tudo vai depender do estado do Henrique”, analisou o treinador.
Já no lugar de André, Bill está confirmado como o camisa 9 do time contra os cariocas. “Na frente não tenho dúvidas. Deve ser o Bill no lugar do André. Ele é um centroavante fixo, que faz o pivô, é parecido com o André. Ele vai ser o parceiro do Miralles”, destacou Muricy, adiantando que o atacante argentino segue como o substituto de Neymar.


Se por um lado, o comandante alvinegro tem problemas, por outro as chances de voltar a contar com os titulares das duas laterais são grandes. Bruno Peres e Léo, recuperados de contusões musculares, fizeram treinamento físico intenso e, depois, participaram normalmente do rachão nesta. Os alas devem ser confirmados somente após o treino deste sábado, no CT Rei Pelé.


Entretanto, Muricy Ramalho está otimista quanto a possibilidade de ver a dupla reforçar a equipe perante os vascaínos. “A gente vai esperar até amanhã (sábado). Eles treinaram forte ontem e hoje, mas como tiveram problemas na parte muscular, nós temos que aguardar. Apesar de o improviso estar dando certo (com Éwerthon Páscoa e Gérson Magrão), é complicado jogar sem os especialistas da posição. O Bruno é lateral de origem e o Léo dá mais experiência ao time”, concluiu.


Sendo assim, a tendência é que o Santos vá a campo com a seguinte escalação no domingo: Rafael; Bruno Peres (Éwerthon Páscoa), Bruno Rodrigo, Durval e Léo (Gérson Magrão); Adriano, Arouca, Henrique (Patito Rodríguez) e Felipe Anderson; Miralles e Bill.

Jornal Midiamax