Geral

Clássicos da Disney serão abordados no projeto ‘Conta Uma História’ no Centro Cultural

A Fundação de Cultura do governo de Mato Grosso do Sul realiza mais uma edição do projeto “Conta uma História”,realizado pelos alunos da Sexta Oficina Teatral de Criação e Montagem sob a supervisão do ator e diretor de teatro Leandro Faria, no Centro Cultural José Octávio Guizzo, no sábado (22 de setembro), das 16h às […]

Arquivo Publicado em 19/09/2012, às 12h59

None
1782145386.jpg

A Fundação de Cultura do governo de Mato Grosso do Sul realiza mais uma edição do projeto “Conta uma História”,realizado pelos alunos da Sexta Oficina Teatral de Criação e Montagem sob a supervisão do ator e diretor de teatro Leandro Faria, no Centro Cultural José Octávio Guizzo, no sábado (22 de setembro), das 16h às 18h.


O projeto “Conta Uma História” acontece normalmente em um sábado do mês e consiste na leitura de textos da literatura infantil, de autores como Monteiro Lobato, Maria Clara Machado e Lia Luft, direcionada para crianças de 4 a 12 anos. O intuito é de despertar o gosto pela leitura e pelo universo lúdico das histórias infantis, incentivando a descoberta do prazer de ler, tanto das crianças, quanto dos pais.


Nesse mês o projeto “conta uma história” voltará aos clássicos da Disney, com histórias como João e Maria, Robin Hood e A Bela Adormecida.


“Essas histórias povoam nosso imaginário. Desde sempre ouvimos ou a versão original ou alguma adaptação. Nós leremos os contos originais, mas sempre fazemos alguma surpresa aos pequenos e grandes ouvintes. O importante é que todos se divirtam e aprendam alguma coisa nessas tardes que passamos com as crianças”, explica Leandro Faria, coordenador do projeto.


A arte de contar histórias é uma prática milenar que começou desde os primórdios da humanidade por meio da tradição oral, sendo intensificadas na Grécia Antiga e no Império Árabe, por meio das famosas histórias presentes na obra “As mil e uma noites”, contadas por Sherazade. Essa arte amplia o universo literário, desperta o interesse pela leitura e estimula a imaginação através da construção de imagens.


A Contação de Histórias age na formação da criança em várias áreas. Contribuindo no desenvolvimento intelectual, pois desperta o interesse pela leitura e estimula a imaginação por meio da construção de imagens interiores e dos universos da realidade e da ficção, dos cenários, personagens e ações que são narradas em cada história.


A entrada é franca, mas serão recolhidas doações de alimentos, brinquedos e roupas, que serão doados para uma instituição beneficente da capital.


Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3317-1795 ou no Centro Cultural José Octávio Guizzo que fica localizado na rua 26 de Agosto, 453, entre a Calógeras e a 14 de Julho.

Jornal Midiamax