Geral

Cerimônia marca diplomação de políticos eleitos em Dourados

Os 21 políticos de Dourados eleitos em 2012 serão diplomados durante cerimônia a ser realizada na noite desta quinta-feira (13), no salão de eventos Cerrado Brasil. O juiz titular da 18ª Zona Eleitoral, Zaloar Murat Martins, preside o evento que marca o final da campanha eleitoral, bem como o encerramento das ações da justiça eleitoral […]

Arquivo Publicado em 12/12/2012, às 20h22

None

Os 21 políticos de Dourados eleitos em 2012 serão diplomados durante cerimônia a ser realizada na noite desta quinta-feira (13), no salão de eventos Cerrado Brasil. O juiz titular da 18ª Zona Eleitoral, Zaloar Murat Martins, preside o evento que marca o final da campanha eleitoral, bem como o encerramento das ações da justiça eleitoral no ano.



O prefeito reeleito Murilo Zauith (PSB) será diplomado juntamente com seu vice Odilon Azambuja (PMDB), assim como os 19 vereadores: Aguilera de Souza, Alan Guedes, Alberto Alves dos Santos, Cido Medeiros, Cirilo, Délia Razuk, Dirceu Longhi, Elias Ishy, Idenor Machado, Juarez Amigo do Esporte, Madson Valente, Marcelo Mourão, Maurício Lemes, Nelson Sudário, Pedro Pepa, Raphael Matos, Sérgio Nogueira, Silas Zanata e Virgínia Magrini.



A posse oficial acontece no dia 1° de Janeiro, na Câmara Municipal.



Resumo das Eleições 2012



Após assumir a liderança da administração municipal em um momento político conturbado, logo depois dos escândalos da Operação Uragano, em 2010, Murilo Zauith conseguiu desenvolver um trabalho que convenceu a maioria dos eleitores, e por isso, foi reeleito com 62,43%, desbancando seus concorrentes Zé Roberto (PSOL), Keliana Fernandes (PSC) e Delane Borges (PSDC).



Na Câmara, oito vereadores também se reelegeram: Délia Razuk (a mais votada com 2.734 votos), Idenor Machado, Juarez Amigo do Esporte, Cido Medeiros, Bebeto, Pedro Pepa, Elias Ishy, Dirceu Longhi. Nomes como Albino Mendes, Gino Ferreira, Cemar Arnal e Walter Hora, que já ocupam cadeiras na casa, ficaram de Fora. Destaque para Aguilera de Souza, que com 1.419 votos, tornou-se o primeiro indígena eleito na história do município.


Jornal Midiamax