Geral

Carrocerias de caminhões pegam fogo em depósito improvisado perto do Macro Anel

Testemunha aponta que causa do incêndio teria sido bitucas de cigarro de alguns adolescentes. Para o Corpo de Bombeiros, fogo seria criminoso.

Arquivo Publicado em 27/07/2012, às 18h28

None
2031091601.jpg

Testemunha aponta que causa do incêndio teria sido bitucas de cigarro de alguns adolescentes. Para o Corpo de Bombeiros, fogo seria criminoso.

Por volta das 14h um incêndio atingiu um terreno próximo ao Macro Anel, saída para Cuiabá, onde funcionava um depósito de carrocerias de caminhão improvisado. Pelo menos quatros dessas carrocerias pegaram fogo. Duas viaturas do Corpo de Bombeiros e um caminhão tanque estão no local tentando conter as chamas.

De acordo com informações do caseiro, Silvio Jorge Souza, 50, alguns adolescentes estavam fumando cigarros perto de onde pegou fogo e possivelmente essa tenha sido a causa do incêndio.

Nas carrocerias dos caminhões, Silvio disse que estavam materiais de um circo, que funcionou na avenida Afonso Pena e que os donos dos caminhões são todos do Estado de São Paulo. Não há nenhum ferido. O terreno é em um antigo pesqueiro, conhecido como Desbarrancado.

No momento, a equipe do Corpo de Bombeiros está fazendo um trabalho de rescaldo para que as chamas não atinjam outras carcaças próximas ao local, inclusive uma de um tanque de combustível.

Segundo a capitã, Geísa Ferreira, comandante da operação, foram gastos mais de 7 mil litros de água para conter as chamas. Para a comandante, o incêndio pode ter sido criminoso e teria sido causado por pessoas que tentaram roubar o material guardado, porém a perícia indicará de onde as chamas partiram.

O caminhão baú atingido pelas chamas guardava fantasias e materiais de circo altamente inflamável.

(Editado para acréscimo de informações às 15:45h)

Jornal Midiamax