Geral

Capitais brasileiras recebem a Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul

Entre os dias 07 de novembro e 20 de dezembro, 26 capitais brasileiras mais o Distrito Federal recebem a 7ª Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul, evento patrocinado pela Petrobras que celebra o aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos, proclamada pela Assembleia Geral das Nações Unidas em 10 de dezembro de […]

Arquivo Publicado em 20/11/2012, às 18h38

None

Entre os dias 07 de novembro e 20 de dezembro, 26 capitais brasileiras mais o Distrito Federal recebem a 7ª Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul, evento patrocinado pela Petrobras que celebra o aniversário da Declaração Universal dos Direitos Humanos, proclamada pela Assembleia Geral das Nações Unidas em 10 de dezembro de 1948. Em Campo Grande (MS), o evento é realizado de 11 a 16 de dezembro, no Centro Cultural José Octavio Guizzo.



Com a apresentação de 37 filmes, incluindo títulos inéditos no país, o evento exibirá produções recentes dos países sul-americanos, além de proporcionar aos produtores e demais profissionais do cinema a divulgação de seus trabalhos relacionados aos Direitos Humanos.



As projeções acontecem também nas seguintes cidades: Aracaju, Belém, Belo Horizonte, Boa Vista, Brasília, Cuiabá, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Goiânia, João Pessoa, Macapá, Maceió, Manaus, Natal, Palmas, Porto Alegre, Porto Velho, Recife, Rio Branco, Rio de Janeiro, Salvador, São Luís, São Paulo, Teresina e Vitória.



Homenagem



Nesta edição, o brasileiro Eduardo Coutinho, considerado um dos mais importantes documentaristas da atualidade em todo o mundo, será homenageado. Seu trabalho é reconhecido pela sensibilidade e pela capacidade de ouvir o outro, registrado sem sentimentalismos as emoções e aspirações das pessoas comuns. Do acervo do artista estão programados: “Cabra Marcado para Morrer” (1984), premiado no Festival de Berlim, “Santo Forte” (1999), um mergulho na intimidade de católicos, umbandistas e evangélicos de uma favela carioca, e “O Fio da Memória” (1991), mosaico sobre a experiência negra no Brasil a partir da figura de um artista popular. Entre as atividades programadas, destaca-se o encontro do documentarista Eduardo Coutinho com o público de São Paulo no dia 24/11, às 16h30, na Cinemateca Brasileira.



Mais informações disponíveis em: www.cinedireitoshumanos.org.br



Petrobras Cultural



Maior patrocinadora da cultura brasileira, a Petrobras foi uma das principais responsáveis pela retomada do cinema nacional na década de 90. Essa parceria começou em 1994, com Carlota Joaquina, e se firmou com o patrocínio a grandes produções nacionais como O Quatrilho, Tieta, O Que É Isso, Companheiro?, Se Eu Fosse Você, Tropa de Elite, Saneamento Básico, Meu Nome Não É Johnny, entre outros. Hoje são mais de 500 filmes patrocinados pela Companhia.



O incentivo a festivais de cinema, festivais de música e difusão em salas de cinema tem como objetivo formar novas plateias e privilegiar espaços de fomento e circulação da produção nacional. Desde 2003, o Programa PetrobrasCultural já destinou, por meio de seleções públicas, cerca de R$ 165 milhões ao audiovisual, contemplando 547 projetos.



Serviço



7ª Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul em Campo Grande (MS) Data:



11 a 16/12



Local: Centro Cultural José Octavio Guizzo | Sala Rubens Corrêa



R. Vinte e Seis de Agosto, 453 – Centro – Campo Grande – MS



(67) 3317.1791 | 1792



Entrada franca – 80 lugares


Jornal Midiamax