Geral

Brasil garante dois mesa-tenistas nos Jogos Olímpicos de Londres durante seletiva

O Brasil já tem, no mínimo, duas vagas garantidas no tênis de mesa nos Jogos Olímpicos de Londres. Neste domingo, Lígia Silva e Gustavo Tsuboi carimbaram seus passaportes para a Inglaterra ao avançarem à final de seletiva que acontece no Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes, no Rio de Janeiro. Lígia, que disputará sua […]

Arquivo Publicado em 05/03/2012, às 01h26

None

O Brasil já tem, no mínimo, duas vagas garantidas no tênis de mesa nos Jogos Olímpicos de Londres. Neste domingo, Lígia Silva e Gustavo Tsuboi carimbaram seus passaportes para a Inglaterra ao avançarem à final de seletiva que acontece no Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes, no Rio de Janeiro.


Lígia, que disputará sua terceira edição dos Jogos, foi a primeira a conseguir a vaga. Ela venceu três partidas para chegar à semifinal, onde precisaria ganhar da chinesa naturalizada dominicana Lian Qian para ir à final e se garantir em Londres. Foi o que ela fez. Venceu por 4 sets a 0 e comemorou o direito de disputar a Olimpíada. Na decisão, ainda venceu a colombiana Paula Medina por 4 sets a 1.


“Nem acredito! Estou com a sensação de ter sido a primeira vez que ganho a vaga Olímpica. Acho que sou uma japonesa “falsa”. Minha altura, tática e paciência são de oriental também. Entrei nessa decisão pensando “vou ganhar, vou ganhar”. Este é o ápice na carreira de um atleta, esperei mais quatro anos da minha vida por isso, agora pretendo me preparar bem para Londres”, festejou a brasileira.


Gustavo Tsuboi teve caminho um pouco mais tranquilo. Para conseguir a vaga em sua segunda Olimpíada, ele venceu dois jogos e chegou à semifinal, onde triunfou sobre o cubano Jorge Campos. Na final, ele acabou derrotado pelo chinês naturalizado dominicano Lin Ju, por 4 a 0.


“Estou muito feliz. Sei que não consegui me preparar da melhor maneira possível por causa de uma tendinite que incomodava muito. De quatro anos para cá evoluí bastante no aspecto emocional e agora quero chegar nessas Olimpíadas e jogar de igual para igual com os tops do mundo”, comemorou.


Além dos dois já garantidos, o Brasil ainda tem chances de ir a Londres com Carolina Kumahara, Jessica Yamada, Hugo Hoyama e Cazuo Matsumoto. As disputas no Rio de Janeiro seguem até terça-feira.


Jornal Midiamax