Geral

Barça vence Real por 3 a 2 e se aproxima do título da Supercopa da Espanha

O Barcelona se aproximou do título da Supercopa da Espanha com uma vitória nesta quinta-feira de 3-2 sobre o Real Madrid na partida de ida do torneio disputado no estádio Camp Nou. O Barça dominou a partida desde o início contra um Real Madrid que jogava nos contra-ataques. A equipe catalã teve boas chances no […]

Arquivo Publicado em 23/08/2012, às 22h34

None

O Barcelona se aproximou do título da Supercopa da Espanha com uma vitória nesta quinta-feira de 3-2 sobre o Real Madrid na partida de ida do torneio disputado no estádio Camp Nou.


O Barça dominou a partida desde o início contra um Real Madrid que jogava nos contra-ataques. A equipe catalã teve boas chances no 1º tempo, como aos 19 minutos, quando em uma boa jogada pela direita, Daniel Alves tocou para Lionel Messi na entrada da área, que por pouco não acertou o chute.


Mas as emoções estavam reservadas para a segunda etapa do confronto.


O português do Real Madrid, Cristiano Ronaldo, abriu o placar aos 10 minutos do 2º tempo com uma cabeçada depois de ter se adiantado a Sergio Busquets após uma cobrança de escanteio.


Não houve tempo para comemorar, e apenas um minuto depois Pedro recebeu lançamento de Mascherano, ganhou na corrida de Fabio Coentrão e empatou.


Após os dois gols, a partida ganhou um ritmo frenético, com boas chances de gol de lado a lado.


O gol da virada do Barça foi marcado por Messi, convertendo aos 24 um pênalti cometido por Sergio Ramos em Andrés Iniesta.


Xavi Hernández ampliou, aproveitando um passe de Iniesta aos 32, e Di María ainda conseguiu reduzir a desvantagem da equipe da capital, aos 39, após um erro do goleiro Víctor Valdés, que recebeu uma bola recuada e tentou driblar.


O troféu será decidido na próxima quarta-feira na partida de volta no estádio Santiago Bernabéu de Madri.


O Barcelona, do técnico Tito Vilanova, venceu com Víctor Valdés – Dani Alves, Piqué, Mascherano, Adriano – Xavi (Fábregas, 82), Búsquets, Iniesta – Alexis (Tello, 71), Messi e Pedro (Jordi Alba, 86).


O Real Madrid, dirigido por José Mourinho, jogou com Casillas – Arbeloa, Albiol, Sergio Ramos, Fabio Coentrao – Khedira, Xabi Alonso – Callejón (Di María, 65), ?zil (Marcelo, 81), Cristiano Ronaldo e Benzema (Higuaín, 60).

Jornal Midiamax