Geral

Banco de Leite do Hospital Regional precisa de doações

O banco de leite do Hospital Regional de Mato Grosso do Sul (HRMS) necessita de doação. No mês de dezembro de 2011 houve uma queda em torno de 60% no volume de leite humano doado, o que significa que foram coletados apenas 39 litros, enquanto a demanda mensal é de cerca de 100 litros de […]

Arquivo Publicado em 10/01/2012, às 09h45

None

O banco de leite do Hospital Regional de Mato Grosso do Sul (HRMS) necessita de doação. No mês de dezembro de 2011 houve uma queda em torno de 60% no volume de leite humano doado, o que significa que foram coletados apenas 39 litros, enquanto a demanda mensal é de cerca de 100 litros de leite materno.


A responsável técnica pelo Banco de Leite Humano do HRMS, Fernanda Menezes, explica que a razão para essa redução brusca nas doações se dá pelo período de férias, uma vez que muitas mães saem para viajar com as famílias. “É comum também as mães saírem de férias e no retorno pararem de doar, assim sem se darem conta”, comenta Fernanda.


Atualmente 23 bebês no Hospital Regional dependem das doações de leite materno, sendo eles recém nascidos prematuros ou de baixo peso, internados na unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal, na Unidade Intermediária Neonatal ou no CTI Pediátrico.


Doação


Para ser doadora a mãe necessita no ato da primeira doação apresentar o exame de pré-natal, nele contém todo o histórico de exames da mulher no período de gravidez como sorologia para HIV, Hepatite B e C e sífilis.


O banco de leite oferece o serviço de coleta em domicílio, e também todo o material utilizado para a retirada do liquido, touca, máscara e recipiente de vidro esterilizado. As mães interessadas em se tornarem doadoras podem ligar no telefone 3378-2715.


As mães recebem a orientação pela equipe do banco de leite para retirar diariamente o leite, depositar em recipiente próprio e congelar. Uma vez por semana a equipe de coleta passa nas residências das doadoras para buscar as doações.


Antes de ser consumido pelos bebês o leite passa pelo processo de pasteurização e pode ser consumido em até 15 dias.


 Segundo a responsável pelo Banco de Leite, Fernanda Menezes a doação de leite materno traz benefícios não só para os bebês que necessitam do liquido, mas também para as doadoras, pois a prática de tirar o leite ajuda a evitar problemas como a mastite, que é um doloroso processo de inflamação da mama.

Jornal Midiamax