Geral

Aumento da população eleva renda de Nova Alvorada do Sul e Sidrolândia em R$ 3,7 mi

Em Mato Grosso do Sul, Nova Alvorada do Sul e Sidrolândia terão cerca de R$ 3,7 milhões anuais a mais em arrecadação como parte do (FPM) Fundo de Participação dos Municípios a partir de 2013. O dado foi divulgado pela CNM (Confederação Nacional de Municípios) e de acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia […]

Arquivo Publicado em 03/09/2012, às 19h33

None

Em Mato Grosso do Sul, Nova Alvorada do Sul e Sidrolândia terão cerca de R$ 3,7 milhões anuais a mais em arrecadação como parte do (FPM) Fundo de Participação dos Municípios a partir de 2013.


O dado foi divulgado pela CNM (Confederação Nacional de Municípios) e de acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), houve um aumento de 3,1 milhões de habitantes em 2012 a mais que 2010.


A maior parte dos municípios que recebem repasses do FPM – interior (98,1%) – não mudarão de coeficiente em 2013. O levantamento da CNM mostra que um total de 27 municípios terá redução de coeficiente e 77, aumento. A Bahia é Estado com o maior número de mudança, com o aumento de coeficiente em 10 Municípios e redução em 9.


Para o próximo ano, o CNM calcula que 86 municípios já estejam na faixa de reclassificação de quantidade de habitantes e que possam entrar com recurso junto ao IBGE tentando aumentar sua população e seus recursos.

Jornal Midiamax