Geral

Álbum que Lennon autografou para seu assassino é vendido na internet

Uma cópia do álbum “Double Fantasy” que o cantor John Lennon autografou para seu assassino, Mark Chapman, está sendo vendido na internet. De acordo com a revista britânica New Musical Express, a empresa de memorabilia Moments In Time confirmou que o atual dono, que comprou o LP em 2003, o colocou à venda. O álbum […]

Arquivo Publicado em 08/12/2012, às 18h06

None

Uma cópia do álbum “Double Fantasy” que o cantor John Lennon autografou para seu assassino, Mark Chapman, está sendo vendido na internet.


De acordo com a revista britânica New Musical Express, a empresa de memorabilia Moments In Time confirmou que o atual dono, que comprou o LP em 2003, o colocou à venda.


O álbum – uma parceria de Lennon com a mulher, Yoko Ono, e o último produzido por ele – foi encontrado por um homem em frente à casa em que o cantor vivia em Nova York. Depois, foram divulgadas fotos que mostravam o ex-Beatle autografando o LP para Chapman pouco antes de ser assassinado por ele, em 1980.


De acordo com a Moments In Time, o álbum tem a assinatura de Lennon e, na capa, há impressões digitais de Chapman. No site, o preço do item não é revelado, dizendo que a informação só estará disponível sob consulta. Na última vez que foi vendido, o LP custou US$ 525 mil (mais de R$ 1 milhão).


Lennon foi morto por quatro tiros no dia 8 de dezembro de 1980, na porta de sua casa, no edifício Dakota, situado próximo ao Central Park. Pelo crime, Chapman, que na época tinha 25 anos, foi condenado à prisão perpétua, acusado de assassinato em segundo grau.


Em agosto, o pedido apresentado para que fosse decretada sua liberdade após 31 anos de prisão foi rejeitado pela sétima vez .


Chapman, 57 anos, terá de aguardar dois anos para um novo pedido.

Jornal Midiamax