Geral

Adolescente de 16 anos diz que foi estuprado doze vezes pelo irmão adotivo

A vítima é portador de deficiência visual e confirmou o abuso

Arquivo Publicado em 10/01/2012, às 15h18

None

A vítima é portador de deficiência visual e confirmou o abuso

Um adolescente de 16 anos que tem apenas 5% da visão, foi estuprado pelo irmão adotivo de 34 na madrugada desta terça-feira (11) na casa onde moram no bairro Coronel Antonino em Campo Grande.

O menino disse para a delegada da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), Regina Márcia Rodrigues que já foi estuprado 12 vezes desde quando tinha 11 anos.

De acordo com a polícia, no início desta madrugada, o autor confesso que é operador de máquinas, chegou da fazenda onde trabalha, ameaçou o garoto com um objeto pontiagudo no pescoço, o levou a um quarto e fez o abuso.

Após o crime a vítima relatou a mãe o que ocorreu. Ela acionou a Polícia Militar por volta de 2h que levou o autor até ao Depac Centro.

Foram feitos exames no Instituto Médico Odontológico Legal (Imol), que confirmaram que o jovem foi vítima do irmão adotivo. O operador de máquinas foi levado ao Presídio de Trânsito.

Jornal Midiamax