Geral

Violeira Brenda está em disputa de programa de TV

As mãos são pequenas, porém ágeis. Aliadas à voz potente, contrastando com a figura de uma criança, a pequena Brenda, de apenas 9 anos de idade, surpreende muita gente grande durante suas apresentações, o que a fez ganhar o título de “A violeira do Pantanal”. Sua habilidade com o violão e com a viola a […]

Arquivo Publicado em 14/11/2011, às 17h40

None
1022498577.jpg

As mãos são pequenas, porém ágeis. Aliadas à voz potente, contrastando com a figura de uma criança, a pequena Brenda, de apenas 9 anos de idade, surpreende muita gente grande durante suas apresentações, o que a fez ganhar o título de “A violeira do Pantanal”.


Sua habilidade com o violão e com a viola a fez receber um convite para participar das seletivas do Concurso Jovens Talentos, promovido pelo Programa O Povo na TV, da TV Campo Grande (SBT), em parceria com a Prefeitura Municipal de Campo Grande e o SESC.


Ela competiu com cerca de mil crianças e foi selecionada num grupo de 20 promissores talentos que a cada semana se apresentaram no programa de TV ao longo do mês de setembro. Brenda, mais uma vez, passou pelo desafio, e ficou no grupo de 10 candidatos para as etapas eliminatórias, que começam nesta segunda-feira, 14 de novembro.


Segundo o site do concurso, os confrontos entre os jovens cantores acontecerão dois a dois por meio de sorteio realizado no último dia 11. A cada disputa, quem obtiver mais votos através de uma enquete na rede social Facebook, passará para a próxima fase.


Brenda Assunção está disputando uma vaga com Wendy Fabielly a partir desta terça-feira, dia 15 de novembro. A enquete na rede social ficará disponível para votação a partir da divulgação no programa, até o programa do dia seguinte.


O pai de Brenda, Adelíbio Antônio João Rodrigues, ressalta a importância da participação da população de Corumbá para fazer com que a filha siga nas próximas fases do concurso. “A gente precisa contar com a população de Corumbá porque em todas as apresentações que ela faz, nunca se esquece da cidade dela. Ela sempre está levando nome de Corumbá”, comentou ao Diário.


Se Brenda conseguir vencer o concurso terá a oportunidade de gravar um CD e também visitar os estúdios do SBT em São Paulo, onde deverá participar de alguns programas da emissora. Juliana do Nascimento Loup, mãe da menina, recorda que desde muito cedo, aos 3 anos de idade, Brenda já manifestava o gosto pela música.


“O pai dela tinha comprado um violão e ela pegou o instrumento e começou a fazer umas batidas, aí que nós fomos perceber que ela já estava pegando o tom das músicas que ela estava escutando na rádio. Compramos um violãozinho menor, é um dom de Deus mesmo”, afirmou. A viola surgiu aos 4 anos de idade e acabou levando a garota a se fixar no ritmo sertanejo, típico de nosso estado. O pai de Brenda destaca que sempre incentivou a filha na vida musical, porém não a ensinou a manusear a viola. “Não sei tocar, é ela quem me ensina agora”, afirma.


Ele lembra que além de tocar violão, viola e cantar, a pequena também já compõe canções. O próximo passo, segundo ele, para solidificar a precoce carreira da filha, é retirar a carteira profissional de músico, entretanto destaca. “A gente não está esquecendo dos estudos dela. Primeiro, os estudos, depois, a música”, diz. A mãe ainda lembra da cooperação da escola que acaba fazendo adequações no calendário de provas para não prejudicar a menina que está na 4ª série do Ensino Fundamental e teve, nos últimos meses, que viajar constantemente para Campo Grande para participar do concurso.


Na Capital, ela também se apresentou em outros programas de TV e ainda teve a oportunidade de se apresentar um show da dupla Alex e Yvan. “Eles ficaram impressionados com o talento dela pois disseram nunca ter visto uma garota daquela idade tocar a viola. Ela tem um jeito próprio, trabalha os dois lados do braço da viola, parte de baixo e de cima”, explica o pai. Brenda, a violeira do Pantanal, pode receber o voto para continuar na próxima fase na página do programa no Facebook (www.facebook.com/opovonatv).

Jornal Midiamax