Geral

Três Lagoas pode ter mais do que um shopping Center

O grupo, especializado em construção civil, pretende investir alto em obras residenciais em uma área antes pouco valorizada no Município.

Arquivo Publicado em 14/05/2011, às 17h25

None

O grupo, especializado em construção civil, pretende investir alto em obras residenciais em uma área antes pouco valorizada no Município.


A empresa Brasil Chile Genera Participações Ltda (BC) adquiriu uma área de 46 hectares no bairro Alto da Boa Vista com a intenção de construir casas pré-construídas e loteamentos fechados. O projeto do grupo de brasileiros e chilenos prevê ainda a possibilidade de construção de um shopping, ou de um centro comercial e de recreação.



A área era de propriedade do juiz Paulo César de Figueiredo, que vendeu o terreno para o grupo de empreendedores que atua no setor de construção civil desde o final do ano passado. Figueiredo disse à imprensa local que nos próximos dias os executivos retornarão a Três Lagoas para definir melhor o projeto.



O juiz afirmou que o grupo pretende investir um valor “altíssimo”, mas não revelou quantia. “Serão construídos 300 lotes. É um projeto arrojado de uma empresa que tem knowhow na área da construção”, completou Paulo Figueiredo, que se aposentou no começo deste ano.



Os lotes serão erguidos numa área entre o Colégio Unitrês Objetivo e o Condomínio Espanha. (Com informações do Jornal do Povo de Três Lagoas)


Jornal Midiamax