Geral

RJ: Motorista de ônibus que bateu em passarela teve perna amputada

Nove pessoas ficaram feridas durante a colisão de um ônibus com uma passarela na Avenida Brasil na manhã deste domingo (13). O motorista José Maria de Araújo dos Santos, de 58 anos, enfartou, quebrou o fêmur de uma das pernas e precisou amputar a outra, segundo funcionários do Hospital Geral de Bonsucesso, onde ele recebe […]

Arquivo Publicado em 13/03/2011, às 17h33

None
163369624.jpg

Nove pessoas ficaram feridas durante a colisão de um ônibus com uma passarela na Avenida Brasil na manhã deste domingo (13). O motorista José Maria de Araújo dos Santos, de 58 anos, enfartou, quebrou o fêmur de uma das pernas e precisou amputar a outra, segundo funcionários do Hospital Geral de Bonsucesso, onde ele recebe atendimento.


Outras oito pessoas também ficaram feridas. Há cinco em atendimento no Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha (zona norte), e outras três no Hospital Municipal Souza Aguiar, no Centro. A assessoria de comunicação da Secrertaria Municipal de Saúde informa que os três estão em observação e nenhum deles em estado grave.


A CET Rio informou que não há previsão para a retirada do ônibus da avenida e que, por isso, o tráfego permanecerá interditado no local.


De acordo com a funcionários do Centro de Controle da Prefeitura, que acompanham a movimentação na via através de imagens, o coletivo atingiu a pilastra da passarela 7 (na altura do bairro de Bonsucesso), no fim da madrugada. Como a estrutura do local foi afetada, a Defesa Civil municipal isolou as pistas central e lateral, em direção à zona oeste.


O trânsito está sendo desviado para Avenida Paris, de onde o motorista precisa seguir pela Avenida Guolherme Maxwell para retomar a Avenida Brasil.

Jornal Midiamax