A quinta posição caiu dentro do esperado. Fernando Alonso não esperava milagres para o treino classificatório deste sábado, no Autódromo de Interlagos. O piloto espanhol admitiu que, hoje, a Ferrari está alguns degraus abaixo das rivais RBR e Mercedes. Dez pontos atrás do inglês Jenson Button na classificação, o bicampeão mundial se vê longe da briga pelo vice.

– Acho muito difícil. São muitos pontos de diferença. Em condições normais, fica muito difícil brigar com eles. Se chover, pode ajudar, mas ainda assim é complicado – disse o espanhol.

Alonso afirma que o quinto lugar no grid não é tão ruim nas condições atuais. Segundo o espanhol, ficar à frente dos carros da Mercedes não era tão simples.

– A Mercedes estava muito rápida, principalmente com o Nico Rosberg. Era uma ameaça forte. No geral, ficou dentro do esperado. Nunca é fácil, mas vamos largar em quinto, o que é normal.

Para conseguir brigar mais à frente, Alonso espera que a previsão de chuva se confirme para a corrida. No fim do treino, nuvens pretas tomaram conta do céu sobre o autódromo, prometendo chuva para a noite deste sábado.

– Se não chover, não devemos passar do 5º ou 4º lugar. Se chover, podemos, quem sabe, brigar por um pódio. Tudo pode acontecer. Mas, se andarmos no seco, sabemos como vai ser.