Geral

Programa “Qualifica Dourados” foi lançado nesta segunda-feira

Aconteceu nesta segunda-feira (02), no auditório da Aced (Associação Comercial e Empresarial de Dourados), o lançamento do Programa de Inclusão Produtiva – Qualifica Dourados, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Assistência Social nos Cras (Centro de Referencia em Assistência Social). Serão oferecidos 16 cursos de qualificação, financiados pelo Fundo Municipal de Assistênc...

Arquivo Publicado em 02/05/2011, às 21h18

None

Aconteceu nesta segunda-feira (02), no auditório da Aced (Associação Comercial e Empresarial de Dourados), o lançamento do Programa de Inclusão Produtiva – Qualifica Dourados, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Assistência Social nos Cras (Centro de Referencia em Assistência Social). Serão oferecidos 16 cursos de qualificação, financiados pelo Fundo Municipal de Assistência Social, para atender 368 pessoas.


O programa pretende qualificar as famílias cadastradas nos Cras, contribuindo para a inclusão no mercado de trabalho. “A administração quer oferecer oportunidades para a emancipação e geração de renda própria das famílias, com o objetivo de promover a autonomia daqueles que têm pouca escolaridade”, destacou a secretária municipal de Assistência Social, Ledi Ferla.

Ela explicou que os cursos foram escolhidos pelos usuários, de acordo com a demanda nas regiões do município.


No Cras da Vila Cachoeirinha serão oferecidos cursos de cozinheiro básico e auxiliar administrativo. No Centro do Parque do Lago os cursos serão de pizzaiolo, auxiliar de cozinha, operador de caixa e manicure e pedicure.

A comunidade do Jardim Água Boa vai aprender depilação, manicure e pedicure e auxiliar de pessoal. No Cras do Jardim Jóquei Clube vão ser ofertados cursos de cuidador de idosos, higienização e limpeza e Excel avançado.

Os cursos do Cras da Reserva Indígena serão de camareire e garçom básico. No Jardim Canaã I os cursos serão de salgadeira, vendedor e informática básica.

Todas as capacitações vão ser desenvolvidas pelo Iedhi (Instituto de Educação, Desenvolvimento Humano e Institucional), empresa que ganhou o processo de licitação realizado pela prefeitura. Os participantes vão receber certificado após a conclusão da formação.

Jornal Midiamax