Geral

Prefeito de Antônio João é denunciado por fechar estrada

O prefeito de Antônio João, Junei Marques (PSDB) foi denunciado por produtores rurais do município ao Ministério Público Estadual (MPE), em Ponta Porã, por fechar uma estrada boiadeira às margens da MS-384, bloqueando a saída de proprietários de chácaras localizadas na saída para Ponta Porã. Junei mandou instalar uma cerca de arame para impedir o […]

Arquivo Publicado em 04/02/2011, às 18h28

None
1755471253.jpg

O prefeito de Antônio João, Junei Marques (PSDB) foi denunciado por produtores rurais do município ao Ministério Público Estadual (MPE), em Ponta Porã, por fechar uma estrada boiadeira às margens da MS-384, bloqueando a saída de proprietários de chácaras localizadas na saída para Ponta Porã. Junei mandou instalar uma cerca de arame para impedir o trânsito pela via vicinal, segundo produtores rurais.

A estrada passa em frente ao Aeroporto Municipal e à sede do Sindicato Rural de Antônio João. Os produtores tentaram demover o prefeito da decisão, mas não houve acordo. Sem saída, os produtores fizeram um abaixo-assinado com mais de 60 assinaturas, firmado também pela presidente do Sindicato Rural, Otília Boeira e pelos nove vereadores da cidade, e o entregaram ao Ministério Público.

O documento, protocolado no MP na tarde de ontem, às 15h, em Ponta Porã, pelos produtores rurais Germino Francisco da Silva e Fábio Pileco, denuncia que o fechamento do trecho com cerca de arame está impedindo a saída dos ruralistas de suas propriedades. O pedido de providências foi acompanhado de fotos da cerca. A estrada havia sido cascalhada no ano passado.

Caso a cerca não seja removida, um dos produtores alega que terá de fazer um desvio de quase dois quilômetros para ter acesso à cidade, apesar de sua propriedade ficar a 300 metros da área urbana. “É um absurdo, não tem explicação”, disse um dos que assinaram o documento. A reportagem não conseguiu falar ontem com o prefeito para ouvir sua versão sobre o caso.

Jornal Midiamax