Geral

Por temer traição política, Nelsinho Trad exige que seus secretários peçam demissão

Prefeito de Campo Grande não quer mais, por exemplo, manter em seu staff um secretário ligado ao PSDB, legenda que vai lançar candidato a prefeitura da cidade no ano que vem

Arquivo Publicado em 20/06/2011, às 12h35

None
1411811951.jpg

Prefeito de Campo Grande não quer mais, por exemplo, manter em seu staff um secretário ligado ao PSDB, legenda que vai lançar candidato a prefeitura da cidade no ano que vem

O prefeito de Campo Grande Nelsinho Trad, do PMDB, tomou uma posição política radical, inusitada até então na administração pública da cidade: pediu a seus dez secretários, incluindo a mulher dele a pedir demissão.

Nelsinho, por meio de sua assessoria de comunicação, informou que a medida tem a ver com a eleição municipal do ano quem vem, quando a população escolhe o novo prefeito e os vereadores da cidade.

Pelo dito pela assessoria, Nelsinho vai examinar os nomes dos demissionários que atuam em legendas interessadas em disputar a pleito. Um exemplo, o DEM, o PPS e o PSDB, já contam como certo que vão concorrer à prefeitura. E esses partidos têm membros atuando como chefes de secretarias de Nelsinho.

No caso, essas siglas, embora hoje aliada, deve entrar num confronto político com o PMDB de Nelsinho, que não pode mais se candidatar à prefeitura por cumprir o segundo mandato. O prefeito gostaria de lançar um nome de sua preferência. Hoje, o PSDB, por exemplo, já estaria criticando a administração do prefeito e isso o deixou contrariado, daí as demissões.

O primeiro escalão do governo de Nelsinho é composto pelos secretários Rodrigo Aquino (secretaria de Governo e Relações Institucionais), Aurenice Rodrigues Pinheiro Pilatti (Administração), José César de Oliveira Estoduto, (Fazenda), Paulo Nahas (Receita, de Planejamento, Finanças e Controle) é a primeira dama do município Maria Antonieta Amorim Trad (Políticas e Ações Sociais e Cidadania)

Na Educação quem comanda é Maria Cecilia Amendola da Motta, no Desenvolvimento Econômico, de Ciência e Tecnologia e do Agronegócio o comando está sobre a batuta do vice-prefeito Edil Albuquerque.

Já a secretaria do Meio Ambiente é chefiada por Marcos Antonio Moura Cristaldo. A secretaria de Infraestrutura, Transporte e Habitação é comandada por João Antônio De Marco e a pasta de Saúde Pública é Leandro Mazina Martins.

Jornal Midiamax