Geral

PMA prende pescadores e petrechos proibidos no Rio Ivinhema

Policiais Militares Ambientais de Batayporã (MS) prenderam nesta sexta-feira (21), quatro pescadores que praticavam pesca predatória. Os homens, residentes em Ivinhema foram abordados em uma embarcação, com motor de popa. Os homens que estavam no rio Ivinhema faziam uso de petrecho do tipo “fisga” na pescaria (petrecho proibido), no curso do rio, localizado no município […]

Arquivo Publicado em 22/10/2011, às 19h45

None

Policiais Militares Ambientais de Batayporã (MS) prenderam nesta sexta-feira (21), quatro pescadores que praticavam pesca predatória. Os homens, residentes em Ivinhema foram abordados em uma embarcação, com motor de popa.


Os homens que estavam no rio Ivinhema faziam uso de petrecho do tipo “fisga” na pescaria (petrecho proibido), no curso do rio, localizado no município de Ivinhema.


Segundo a PMA, os pescadores já haviam capturado 18 kg de pescado. O peixe, um motor de popa, um barco e uma fisga foram apreendidos e levados à delegacia de Polícia Civil de Ivinhema.


Os pescadores que foram autuados em flagrante por crime de pesca predatória receberam voz de prisão e foram encaminhados para a delegacia. Se condenados poderão pegar pena de um a três anos de detenção.


Cada pescador também foi autuado administrativamente e multado em R$ 1,060 mil.
Todas as Subunidades da PMA estão intensificando a fiscalização neste último mês de pesca aberta.

Jornal Midiamax