Geral

PMA autua fazendeiro em mais de dois mil reais por exploração de aroeira ilegal

Ao realizar fiscalização nas propriedades rurais de Chapadão do Sul, Policiais Militares autuaram neste domingo (13), o proprietário da Fazenda São Felício II, por exploração ilegal de madeira de espécie aroeira e faveiro. Na propriedade, os policiais encontraram 352 unidades de lasca de madeira da espécie Faveiro (Pterodon emarginatus) e 49 unidades de lasca de […]

Arquivo Publicado em 14/11/2011, às 19h24

None

Ao realizar fiscalização nas propriedades rurais de Chapadão do Sul, Policiais Militares autuaram neste domingo (13), o proprietário da Fazenda São Felício II, por exploração ilegal de madeira de espécie aroeira e faveiro.


Na propriedade, os policiais encontraram 352 unidades de lasca de madeira da espécie Faveiro (Pterodon emarginatus) e 49 unidades de lasca de madeira da espécie Aroeira (Myracroduon Urundeuva) sem origem, ou seja, sem autorização ambiental.


A madeira, que totalizou 8,5 m³, foi apreendida e o proprietário da fazenda foi autuado administrativamente e multado em R$ 2.700,00. De acordo com a assessoria da PMA, o fazendeiro também responderá por crime ambiental e poderá pegar pena de um a dois anos de reclusão.


Legislação


A portaria 83 N de 1991 do IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), proíbe o corte da “aroeira” e algumas outras espécies de madeiras nobres, sem plano de manejo, que precisa ser aprovado pelos órgãos ambientais. Inclusive, em desmatamentos autorizados, essas espécies não podem ser cortadas.

Jornal Midiamax