Geral

Pelo menos sete militares são mortos após ataque das Farc na Colômbia

Pelo menos sete militares morreram e quatro ficaram feridos neste sábado no departamento colombiano de Arauca (nordeste) -na fronteira com a Venezuela- em um ataque das Farc, informou à AFP o Exército. “Registramos a morte de um oficial, de um suboficial e de cinco soldados profissionais da Oitava Brigada em Tame. Outros quatro soldados ficaram […]

Arquivo Publicado em 23/10/2011, às 00h31

None

Pelo menos sete militares morreram e quatro ficaram feridos neste sábado no departamento colombiano de Arauca (nordeste) -na fronteira com a Venezuela- em um ataque das Farc, informou à AFP o Exército.


“Registramos a morte de um oficial, de um suboficial e de cinco soldados profissionais da Oitava Brigada em Tame. Outros quatro soldados ficaram feridos e já foram levados para centros médicos da região e para unidades militares”, disse um porta-voz da Oitava Divisão, à qual pertence a Oitava Brigada.


O ataque ocorreu na tarde deste sábado em uma área conhecida como “Tubo Verde”, que inclui territórios dos municípios de Fortul e Tame.


No momento, não se sabe a respeito de eventuais baixas nas Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).


Na sexta-feira, dez militares morreram em um ataque desta guerrilha no departamento de Nariño (sul, fronteira com o Equador).


As Farc, com 47 anos de luta armada contra o Estado, são a guerrilha mais antiga do país e, atualmente, contam com cerca de 8.000 combatentes, de acordo com o Ministério da Defesa.


A guerrilha tradicionalmente intensifica seus ataques contra integrantes das forças de segurança na véspera de eleições presidenciais e regionais.


No dia 30 de outubro, os colombianos devem escolher os governadores de 32 departamentos, prefeitos de 1.103 municípios, assim como deputados departamentais e conselheiros municipais (vereadores).

Jornal Midiamax