Geral

PAC do Governo Federal garante obra do contorno ferroviário em Três Lagoas

A construção, orçada em R$ 33 milhões, já possui R$ 6 mi empenhados pelo Ministério dos Transportes para a obra no Município.

Arquivo Publicado em 18/06/2011, às 15h15

None
1668057047.jpg

A construção, orçada em R$ 33 milhões, já possui R$ 6 mi empenhados pelo Ministério dos Transportes para a obra no Município.

O Ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, garantiu
R$ 6 milhões para as obras do Contorno Ferroviário de Três Lagoas. O empenho (procedimento
contábil que antecede a liberação) foi divulgado no SIAFI (Sistema Integrado de
Administração Financeira do Governo Federal) nesta semana.

O recurso faz parte do Programa de Aceleração do
Crescimento (PAC), do Governo Federal, através da pasta do Ministério dos
Transportes. Em 2011, o governo de Dilma Roussef já garantiu para a população de
Três Lagoas um pacote de obras nas áreas de infra-estrutura, habitação,
transportes, entre outras.

A extensão do Contorno Ferroviário será de 12,4
quilômetros, com custo orçado em R$ 33 milhões. A obra facilitará o escoamento
da produção do Estado rumo ao porto de Santos e reduzirá o número de passagens
de nível, na área central do Município.

Indústrias de celulose e papel já indicaram a intenção
de construir um ramal próprio, ligando os complexos industriais, ao novo
contorno ferroviário.

O Governo Estadual irá investir a contrapartida
obrigatória, de 15% do custo total da obra. A intermediação foi feita pelo Departamento Nacional de Infra-estrutura em Transportes
(DNIT).

Jornal Midiamax