Geral

MPF apresenta reformas para atender necessidades de pessoas com deficiência

Técnica, vivência e participação. Estes foram os principais instrumentos utilizados pelo Ministério Público Federal (MPF) em Mato Grosso do Sul para elaborar os projetos de adaptação das sedes da instituição a pessoas com deficiência. Os planos de reforma serão apresentados na tarde de hoje (28) no curso de capacitação sobre acessibilidade, realizado desde ontem na […]

Arquivo Publicado em 28/09/2011, às 18h05

None

Técnica, vivência e participação. Estes foram os principais instrumentos utilizados pelo Ministério Público Federal (MPF) em Mato Grosso do Sul para elaborar os projetos de adaptação das sedes da instituição a pessoas com deficiência. Os planos de reforma serão apresentados na tarde de hoje (28) no curso de capacitação sobre acessibilidade, realizado desde ontem na sede do MPF em Campo Grande.

O processo de identificação de erros e propositura de melhorias foi realizado com a participação popular. Em maio deste ano, reunião entre o procurador regional dos Direitos do Cidadão, Felipe Fritz Braga, e usuários e representantes de pessoas com deficiência, debateu as modificações estruturais necessárias para os prédios do MPF.

“Alguns detalhes são previstos por lei e por normas técnicas, mas há aqueles que apenas são percebidos por quem é deficiente e enfrenta as dificuldades no cotidiano. Por isso, a participação participação de cidadãos e cidadãs atuantes na defesa dos direitos da pessoa com deficiência foi fundamental. O MPF é público, é dos cidadãos, e a estrutura da instituição deve acolher a todos”, afirma o procurador Felipe Fritz Braga.

As modificações devem ser aplicadas nas sedes de Campo Grande, Corumbá, Dourados, Três Lagoas e Ponta Porã. Calçadas, escadas, pisos e banheiros serão adaptados.

Curso sobre acessibilidade

Desde ontem (27), acontece no MPF o curso Acessibilidade na Prática, ministrado por Thais Frota, especialista que já realizou 4 mil vistorias em locais públicos e privados. O curso é inédito no estado e visa promover a capacitação de todos para o cumprimento das leis que garantem os direitos das pessoas com deficiência.

O treinamento conta com a participação de membros do Judiciário e do Ministério Público, bem como de profissionais da área de planejamento de edificação, reforma e manutenção de prédios onde são prestados serviços públicos

A realização do curso é uma das diversas ações realizadas pelo MPF para marcar o Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência, celebrado na última quarta (21). A programação contou ainda com o lançamento do documentário Inclusive, produzido pela Assessoria de Comunicação Social do MPF/MS.

Jornal Midiamax